Prefeito de Vitória da Conquista diz que em 20 dias Viação Cidade Verde estará operando todas as linhas da cidade

Foto: blog Rodrigo Ferraz

Herzem Gusmão anunciou que mais 11 ônibus chegarão na próxima segunda-feira. Reajuste da tarifa é novo desafio, e prefeitura quer conceder isenção de ISS. Funcionários da Viação Vitória, após rescisão contratual, serão contratados pela Cidade Verde

ALEXANDRE PELEGI

A Viação Cidade Verde, responsável pelas operações do lote 02 do sistema municipal de Vitória da Conquista, na Bahia, está assumindo o lote 01, em caráter emergencial, se tornando assim a única operadora da cidade.

A informação, divulgada em nota pela prefeitura da cidade no último dia 6 de agosto de 2018, já garantia que, após negociações com outras empresas, o município recebera da Viação Cidade Verde uma proposta para assumir de forma emergencial o lote operado pela Viação Vitória, do Contrato 001/2013 que contempla aumento de frota.

Em entrevista a emissoras de rádio nesta quinta-feira, dia 16 de agosto, o prefeito Herzem Gusmão informou que em torno de 20 dias a Cidade Verde já deverá ter assumido todas as linhas antes operadas pela Viação Vitória.

Hoje 100 ônibus atendem a cidade, e de acordo com o prefeito mais veículos estão chegando toda semana. Na próxima segunda-feira, dia 20, são aguardados mais 11 ônibus para integrar o sistema de transporte coletivo municipal.

TARIFA

Herzem Gusmão reconheceu que a escolha da Cidade Verde foi a melhor opção para a cidade, após a prefeitura ter tentado atrair outras empresas, como a Anchieta de Belo Horizonte, Passaredo e Camurugipe.

A prefeitura agora pretende mandar projeto à Câmara de Vereadores para conceder a isenção do ISS para o transporte municipal. Isso porque, segundo o prefeito, a planilha do transporte coletivo indica que o valor da passagem, hoje em R$ 3,30, deveria ser de R$ 4,15. Como acontece em muitas outras cidades brasileiras, a renúncia fiscal funciona como um subsídio, e visa diminuir os custos da concessionária, contribuindo para o reequilíbrio econômico financeiro do contrato sem a necessidade de reajustar o valor da tarifa.

Outra opção para diminuir o valor da nova tarifa seria a reintegração para o transporte por ônibus dos passageiros que migraram para o transporte clandestino.

Quanto aos funcionários da Viação Vitória, todos serão contratados pela Cidade Verde, após rescisão contratual. A informação é do Blog Resenha Geral. A garantia da absorção dos funcionários, segundo o Blog, foi dada por diretores da Cidade Verde em reunião com o prefeito e secretários e a Procuradoria Geral do Município.

Leia a íntegra da nota da prefeitura de Vitória da Conquista divulgou no último dia 6 de agosto:

Prefeitura avança em negociações com Cidade Verde

Postado em 6 de agosto de 2018 as 18:27:00

A Prefeitura Municipal de Vitória da Conquista se reuniu com representantes da empresa Viação Cidade Verde na tarde desta segunda-feira (6). A reunião teve como objetivo debater a paralisação das atividades da Viação Vitória e encontrar soluções para a crise do transporte coletivo local.

Os representantes da Viação Cidade Verde apresentaram proposta para assumir de forma emergencial o lote 1 do Contrato 001/2013. Entre elas, a oferta de mais ônibus para operar emergencialmente em nosso Município.

Atualmente, 15 ônibus da Viação Cidade Verde operam emergencialmente em Vitória da Conquista, além dos 77 que compõem o seu próprio lote. Estes 15 são responsáveis por 9 das 27 linhas do lote 1, antes operadas pela Viação Vitória.

Na reunião, a Prefeitura manifestou preocupação com os funcionários da Viação Vitória. Após a paralisação das atividades da empresa, muitos passam por dificuldades financeiras. A Prefeitura busca que a empresa que assuma temporariamente o lote 1 recontrate esses funcionários.

Ao fim, Cidade Verde e Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana combinaram que vão realizar um estudo para reavaliar as linhas do Município, visando a celebração de um contrato emergencial. A ação visa atender toda a população no menor prazo possível.

Participaram da reunião o procurador Murilo Mármore, a procuradora Nadjara Régis, o secretário de Mobilidade Urbana Ivan Cordeiro, o coordenador de Transporte Público Jackson Yoshiura, o secretário de Finanças, Gildásio Carvalho, o Secretário de Administração, Jonas Sala, e representantes da Cidade Verde: Sérgio Hubner, Paulo Bongiovanni e Roberto Jacomelli.


Matérias já publicadas sobre o tema:

10 de agosto de 2018 – Passageiros de Vitória da Conquista ainda sofrem consequências de retenção de ônibus

7 de agosto de 2018 – Cidade Verde deve assumir todo o transporte de Vitória da Conquista

5 de agosto de 2018 – Prefeitura de Vitória da Conquista (BA) anuncia mais dez ônibus para reforçar transporte local

1 de agosto de 2018 – Empresas enviam propostas para operar transporte em Vitória da Conquista

19 de julho de 2018 – Prefeitura de Vitória da Conquista (BA) decreta emergência no transporte público municipal

17 de julho de 2018 – Com 74 ônibus lacrados, Vitória da Conquista teve apenas seis coletivos em circulação

17 de julho de 2018 – Prefeitura de Vitória da Conquista (BA) faz fiscalização em garagem de concessionária do transporte municipal

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

2 Trackbacks / Pingbacks

  1. Vitória da Conquista (BA) normaliza transporte público e anuncia frota com 170 ônibus – Diário do Transporte
  2. Justiça suspende decisão que proíbe Viação Cidade Verde de operar em Vitória da Conquista (BA) – Diário do Transporte

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: