Teresina lança o Inthegra, novo sistema de transporte público

Linhas alimentadoras levarão passageiros até os Terminais de Integração do Bela Vista e Parque Piauí. Foto: Rômulo Piauilino / Prefeitura de Teresina

Estratégia é utilizar corredores exclusivos e aumentar opções de linhas nos terminais da cidade

JESSICA SILVA PARA O DIÁRIO DO TRANSPORTE

O Inthegra, novo sistema de transporte público, será lançado em Teresina na manhã desta terça-feira, 6 de março. A intenção é utilizar os corredores exclusivos para agilizar as viagens e levar mais opções de linhas de ônibus para os terminais da cidade. O funcionamento será apresentado pela Prefeitura às 8h30, no Metropolitan Hotel.

A lógica do Inthegra é utilizar os corredores exclusivos para tornar as viagens dos ônibus mais rápidas. As chamadas linhas alimentadoras, que saem dos bairros, vão levar os passageiros até os Terminais de Integração do Bela Vista e Parque Piauí. No local, os usuários do transporte público poderão embarcar nas linhas troncais para irem até o centro da cidade pelas vias exclusivas.

Apesar de os terminais funcionarem aos finais de semana, o sistema vai operar em dias úteis. Os ônibus vão passar pelo Corredor Sul, composto pelas avenidas Barão de Gurguéia, Henry Wall de Carvalho, Miguel Rosa, Maranhão e Prefeito Wall Ferraz. De acordo com informações da Prefeitura, até o dia 17 de março, sábado, o Inthegra funcionará plenamente na zona sul da cidade.

Segundo o superintendente da Strans, Carlos Augusto Daniel Júnior, o tempo de viagem será reduzido por meio do novo sistema, para proporcionar comodidade aos usuários. “A viagem do Bairro Santa Fé, por exemplo, que era de 1h20, com os corredores e os terminais funcionando irá reduzir para 50 minutos. Fazemos um monitoramento diário desses tempos de viagem, sempre avaliando para que o tempo de viagem fique cada dia menor. Com isso, o usuário terá mais conforto e um serviço melhor” – explicou.

Além disso, a mudança vai proporcionar mais linhas de ônibus para a população. “O novo sistema dará mais agilidade aos ônibus, além disso, as pessoas, quando chegarem nos terminais, terão mais opções de transportes para o centro da cidade” – disse o superintendente.

Os semáforos ao longo do percurso dos ônibus também foram ajustados pela Prefeitura para que o trajeto seja mais rápido. Além disso, os coletivos das linhas troncais terão ar-condicionado, assim como as estações para passageiros, conforme informou Júnior.

Para que o conforto aos passageiros seja garantido, os consórcios estão adquirindo novos ônibus na cidade. De acordo com informações da Prefeitura, os veículos serão maiores, climatizados, com tecnologia Wi-Fi para uso dos passageiros e com portas nos dois lados, para possibilitar o embarque e o desembarque nos corredores.

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. IVAN disse:

    Alguém pode me explicar o porquê do “h” no nome ? Não ficaria melhor apenas “Integra” ou um acronimo do tipo ” SIT – Sistema Integrado de Teresina” ?

  2. IgorSamuel disse:

    E deivido as inicias “Theresina”, um apelido da cidade, que na verdade era o nome oficial dela quando criada…

  3. Vanuza alvarista dos santos disse:

    Tô mais perdida do cego em tiroteio

  4. Lázaro disse:

    Eu acharia muito melhor ao invés de faixa de pedreste e dos sinais q ficam aolado das novas paradas centraisdeo prefeito contruisse uma passarela ligando os passageiros as paradas deixando assim o tráfico fluente em todas as avenidas…

  5. José Gilberto Cardoso Lima disse:

    th vem do nome original de THERESINA.

Deixe uma resposta