Secretário municipal de Transportes do Rio é exonerado

Publicado em: 24 de janeiro de 2018

Vice-prefeito, Mac Dowell assumiu o cargo de secretário de transportes do Rio desde o início do mandato do prefeito Marcelo Crivella. (Foto: Octacílio Barbosa/Alerj)

Vice-prefeito Fernando Mac Dowell assume agora o Conselho Consultivo Autoridade da Mobilidade e dos Transportes, organismo criado por decreto do prefeito Crivella nesta quarta-feira (24)

ALEXANDRE PELEGI

O engenheiro Fernando Mac Dowell, que além de vice-prefeito do Rio de Janeiro ocupava o cargo de Secretário municipal de Transportes, foi exonerado pelo prefeito Marcelo Crivella na noite desta terça-feira.

Na edição do Diário Oficial do Município desta quarta-feira, dia 24 de janeiro, consta a publicação do Decreto Nº 44221, que dispõe sobre a criação do Conselho Consultivo Autoridade da Mobilidade e dos Transportes do Município do Rio de Janeiro (CAMTRJ), órgão que será dirigido por Mac Dowell.

Para o cargo de secretário de Transportes o escolhido é Rubens Teixeira, que recentemente deixou a presidência da Comlurb em decorrência de uma decisão judicial.

O prefeito Crivela afirmou que o ex-secretário assumirá cargo com função estratégica de planejamento, como o prefeito qualificou o recém criado Conselho.

Rubens Teixeira, por outro lado, não deverá permanecer por muito tempo no cargo de secretário, porque deverá se candidatar a deputado.

A versão oficial para a saída de Mac Dowell é a de que ele vai ocupar o cargo de autoridade municipal de mobilidade urbana, responsável pela elaboração de estratégias de integração dos modais de transportes na cidade.

Conforme o decreto de criação do CAMTRJ, o órgão terá como objetivo principal a regulação e fiscalização do setor de mobilidade e de transportes terrestres, fluviais e ferroviários, e terá em sua composição nove representantes da administração direta.

Desde o início do mandato do prefeito Crivella, em janeiro de 2017, Fernando Mac Dowell tem mantido uma relação de hostilidade com as empresas de ônibus, que começou após ele negar qualquer reajuste tarifário conforme previsto no contrato de concessão.

Veja as competências do CAMTRJ conforme publicado no Diário desta quarta-feira (24);

camtrj

Logo após a divulgação da notícia da exoneração na noite desta terça-feira, o filho de Mac Dowell, Fernando Mac Dowell Filho, se manifestou nas redes sociais com severas críticas ao prefeito Crivella. E aconselhou a população do Rio “a ficar de olho nos preços das passagens” a partir de agora.

Leia trechos do texto divulgado no Facebook pelo filho de Mac Dowell:

FACE_MACDOWELL

EXONERADO UM GESTOR POR QUEM NÃO SABE FAZER GESTÃO!!!!!!!

Hoje, na calada da noite, o Maior especialista em Transportes do País, reconhecido internacionalmente, meu pai na qual tenho muito orgulho de ser seu filho, Prof Eng Fernando Mac Dowell, Livre Docente pela UFRJ foi exonerado pelo Prefeito Crivella da Secretaria Municipal de Transportes do RJ…. Lhe foi oferecido um cala boca como Autoridade Municipal de Mobilidade Urbana….um Absurdo…

O que esperar de um prefeito que a dias atrás no mesmo jornal OGlobo, assume a meia-culpa e pede desculpas a população do RJ por não saber fazer Gestão …

POPULACAO DO RJ FIQUEM DE OLHOS ABERTOS NO PREÇO DAS TARIFAS DE ÔNIBUS…

(…)


Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Comentários

  1. WILLIAM HOWARD HOSSELL disse:

    Se as coisas fossem sérias ou houvesse exame médico admissional para o cargo, o Eng. Fernando Mac Dowell jamais assumiria ao cargo de secretário municipal de transportes. Nesse 1o ano de governo Crivella a pasta de transportes ficou parada por conta de problemas internos na SMTR, pois “ninguém confiava em ninguém”, onde já se viu uma coisa dessas! A própria redução no valor da tarifa foi uma questão judicial, nunca dependeu do ex secretário.
    O problema é que agora aparecerão os oportunistas, mas aí já é outra história.

  2. Paulo Gil disse:

    Amigos, bom dia.

    Nada como uma solução BEM BARSIL, quando surge um grande problema.

    Criar uma Comissão ou um Conselho Consultivo.

    “Vamos deixar como está para ver como é que fica”

    MUDA BARSIL

    Att,

    Paulo Gil

  3. Luiz Almeida disse:

    Macdowell tem certos títulos, mas não sei se realmente merece. Afinal, em todas as suas palestras favorece o metrô e critica o BRT>

    Não é a toa que no RJ o BRT vai rumo ao abismo.

    Jayme Lerner é uma boa pedida, para a situação atual do RJ.

  4. MARCOS NASCIMENTO disse:

    Finalmente a primeira medida sensata do prefeito Crivella. Promover para a geladeira do conselho consultivo de transportes (que não serve prá nada), este velho gagá que NÃO teve nem a capacidade de dialogar com o empresariado durante mais de UM ANO que ficou neste cargo recebendo 2 salários: o de secretário e o de vice-prefeito. Infelizmente teremos esta joça como prefeito lá na frente caso a enfermidade de Crivella retorne e ele morra durante o mandato. Uma coisa é certa; Crivella, o sobrinho querido do bispo, dono do templo de Salomão terá apenas UM MANDATO na prefeitura da 2a.maior e pior capital do Brasil.

Deixe uma resposta