CPTM adia de novo licitação para prolongamento da linha 13-Jade para a Barra Funda

Trem da linha 13-Jade

Extensão deve ampliar demanda e integrações com a linha que hoje é considerada de “baixo movimento”

ADAMO BAZANI

A CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) adiou para o dia 22 de março de 2021 a entrega das propostas de eventuais empresas ou consórcios interessados no processo de prolongamento da linha 13-Jade para a Barra Funda.

Já é o segundo adiamento.

Inicialmente, a data prevista era 26 de fevereiro de 2021, mas foi transferida para 10 de março 2021 e, em 09 de março, a CPTM publicou mais um adiamento para o dia 22 de março de 2021.

A concorrência engloba prestação de serviços de engenharia especializada para a elaboração de projeto executivo, fornecimento e implantação dos sistemas de rede aérea de tração, sinalização/SCT, suprimento de energia de tração e via permanente para a extensão da linha 13 – Jade, trecho Luz – Barra Funda da CPTM.

Com a extensão, a estimativa é ampliar a demanda e integrações com a linha que hoje é considerada de “baixo movimento”

Levando em conta os serviços e a ligação principal, a linha vai da Estação da Luz até as proximidades do Aeroporto Internacional na cidade de Guarulhos, na região metropolitana.

Apesar de o movimento de passageiros ter crescido, sem considerar os efeitos da pandemia de covid-19 sobre a demanda, a linha ainda não tem todo o potencial explorado.

Como mostrou o Diário do Transporte em 23 de julho de 2020, o Governo do Estado de São Paulo revelou ter planos de levar a Linha 13-Jade até a estação Palmeiras-Barra Funda, utilizando verba disponibilizada pelo Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES).

O crédito do BNDES é de R$ 380 milhões e, com a medida, a CPTM faz uma tentativa de aumentar a demanda de passageiros da linha, baixa mesmo antes dos efeitos da pandemia de Covid-19

Relembre:

https://diariodotransporte.com.br/2020/07/23/governo-pretende-levar-linha-13-jade-ate-a-barra-funda/

Outra medida para atrair passageiros  foi a modificação do serviço Expresso Aeroporto, que, em 01º de dezembro de 2020, passou a ter partidas de hora em hora da Estação da Luz e teve a tarifa reduzida de R$ 8,80 para R$ 4,40.

Relembre:

https://diariodotransporte.com.br/2020/12/01/cptm-da-inicio-ao-servico-expresso-aeroporto-a-cada-hora-e-com-reducao-de-tarifa/

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Um erro querer cobrar mais nesta linha, só porque é aeroporto… A CPTM serve demais cidades metropolitanas, cobrando 4,40,,,,n]ao vejo porque cobrar mais na linha Jade,,Guarulhos agora é parte da malha da CPTM, e se a linha não dá retorno, esperem, logo aumentará a migração de trabalhadores, e viajantes…o que está feito deixa, melhor ter que esperar ter.

Deixe uma resposta