Governo pretende levar Linha 13-Jade até a Barra Funda

Publicado em: 23 de julho de 2020

Linha 13-Jade. Demanda deve crescer com mais conexões, acredita secretário

Entretanto, a expansão até o bairro do Bonsucesso foi descartada para a atual gestão.

ADAMO BAZANI/WILLIAN MOREIRA

O Governo do Estado de São Paulo tem planos de levar a Linha 13-Jade até a estação Palmeiras-Barra Funda, utilizando verba disponibilizada pelo Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES).

A afirmação é do secretário dos Transportes Metropolitanos, Alexandre Baldy, em entrevista à Revista Ferroviária na tarde desta quinta-feira, 23 de julho de 2020.

O secretário afirmou que a conexão entre a linha 13 e o Aeroporto de Guarulhos será feita por uma espécie de monotrilho conhecido como people mover, mas o meio de transporte será de responsabilidade da GRU Airport, com o Estado cobrando a execução das obras e orientando como devem ser feitas.

Na outra extremidade da linha, devem ser utilizado um crédito aprovado pelo BNDES de aproximadamente R$ 380 milhões para melhorar a linha com mais viagens até a região central de São Paulo, nas estações Brás, Luz e Palmeiras-Barra Funda.

Para o chefe da pasta de transportes, a 13-Jade precisa ser melhor aproveitada, integrando com outras ligações  e ampliando sua demanda de passageiros, atualmente a menor de todos os ramais.

“É importante chegar nas estações que ligam com o sistema do Metrô e CPTM de forma a ser uma linha mais aproveitada”, explicou Baldy

Alexandre Baldy complementou dizendo que a expansão requerida por moradores de Guarulhos até a região de São João ou Bonsucesso, não está nos planos para o atual mandato do governador João Doria.

“Não temos previsão, portanto,  não está para ser realizada em nosso governo, a gestão João Doria até 2022”

Adamo Bazani jornalista especializado em transportes e Willian Moreira em colaboração especial para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Comentários

  1. Luiz disse:

    PeopleMover, a lenda..

  2. Gualter disse:

    Que ideia péssima. Fazer pessoas do sistema saltarem de linhas em linhas ao invés de colocar novas pessoas no sistema ficam salteado

Deixe uma resposta