Passagem de ônibus de Cuiabá volta a custar R$ 4,10 nesta terça-feira

Publicado em: 30 de abril de 2019

Valor teve um acréscimo de 25 centavos. Foto: Divulgação / Prefeitura de Cuiabá.

Valor praticado era de R$ 3,85, mas Arsec refez cálculos sobre revisão tarifária

JESSICA MARQUES

A passagem de ônibus de Cuiabá, no Mato Grosso, voltou a custar R$ 4,10 nesta terça-feira, 30 de abril de 2019. Após um imbróglio para definição do reajuste, o valor teve um acréscimo de 25 centavos.

A Prefeitura informou nesta sexta-feira, 26 de abril de 2019, que a Arsec (Agência Municipal de Regulação dos Serviços Públicos Delegados de Cuiabá) refez os cálculos e o valor apontado foi de R$ 4,12, sendo arredondado para R$ 4,10.

Relembre: https://diariodotransporte.com.br/2019/04/26/prefeitura-de-cuiaba-informa-que-tarifa-de-onibus-pode-ser-reajustada-para-r-410/

O balanço foi feito após determinação do TCE (Tribunal de Contas do Estado), que contestou o reajuste e determinou que houvesse redução na tarifa para os anteriores R$ 3,85.

O valor de R$ 4,10 passou a ser cobrado em janeiro de 2019. Em fevereiro, a Justiça determinou que a passagem voltasse a seu preço antigo, de R$ 3,85. Agora, a tarifa foi reajustada novamente.

A Arsec aprovou no dia 31 de dezembro de 2018 o aumento da tarifa do transporte público de Cuiabá.

Relembre: Arsec aprova reajuste dos ônibus em Cuiabá: tarifa passa a R$ 4,10 a partir de amanhã, 2 de janeiro

O reajuste da tarifa do transporte coletivo de Cuiabá atrapalhou o lançamento do novo edital de licitação. Prevista para ser lançada no dia 10 de abril, teve de ser adiada em função da decisão do Tribunal de Contas do Estado que manteve a redução da tarifa em R$ 3,85. Os estudos de viabilidade econômica do edital haviam sido calculados sobre o valor de R$ 4,10.

Relembre: https://diariodotransporte.com.br/2019/04/29/licitacao-dos-transportes-de-cuiaba-projeta-onibus-com-tecnologia-limpa-e-ar-condicionado/

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Comentários

  1. Paulo Gil disse:

    Amigos, bom dia.

    Interessante a distribuição e o tamanhos das portas do buzão articulado da foto.

    A fiscalizadora e a Induscar deviam ver este modelo com carinho.

    Fica ai a sugestão para a fiscalizadora e Induscar.

    Att,

    Paulo Gil

Deixe uma resposta