Metrô de São Paulo prepara apresentações para oferecer serviços de consultoria a projetos de mobilidade pelo País e no exterior

Metrô de São Paulo deve ampliar atuação em todo o País em consultorias e pesquisas. Foto: Adamo Bazani (Diário do Transporte) – Clique para Ampliar

Possibilidade deste tipo de atuação está na lei da Política Estadual de Mobilidade Metropolitana, como mostrou o Diário do Transporte

ADAMO BAZANI

O Metrô de São Paulo vai atuar mais amplamente na divulgação de trabalhos de consultoria que já realizou para a implantação de projetos, estudos de mobilidade, em engenharia de manutenção e gestão de sistemas de transportes.

O Diário do Transporte teve acesso a versão de uma apresentação preparada para demonstrar a experiência da empresa em consultorias a projetos de redes metroviárias em outros estados e no exterior.

A apresentação foi exibida no mês passado em um seminário do setor de trilhos.

Devem ser realizadas também exibições a empresas, investidores e gestores públicos.

Como noticiou a reportagem em 22 de março, ao sancionar o Projeto de Lei que autoriza o Poder Executivo a instituir a Política Estadual de Mobilidade Metropolitana, o governador João Doria inseriu um artigo que autoriza a Companhia do Metropolitano de São Paulo – Metrô a criar subsidiárias e participar do capital social de empresas privadas. A Lei autoriza ainda o Metrô de SP a alienar as ações que detenha em subsidiárias e empresas privadas.

Isso significa, por exemplo, que a o Metrô de SP poderá se associar a empresas do segmento que atuam no sistema, como concessionárias privadas de operação e manutenção de linhas metroviárias. As consultorias e prestações de serviço de apoio a projetos estão entre as possibilidades previstas pelo artigo.

Relembre:

https://diariodotransporte.com.br/2019/03/22/doria-sanciona-politica-de-mobilidade-e-autoriza-metro-a-criar-subsidiarias-e-se-associar-a-empresas-privadas/

As consultorias serão uma forma de captar recursos para a companhia que tem expertise não apenas na operação de trens, mas formulação de projetos e acompanhamento de demanda.

Os estudos das tendências de deslocamentos do Metrô não se limitam aos trilhos, mas também englobam ônibus, carros e viagens a pé, que são contemplados pela Pesquisa Origem e Destino que é usada como referência de investimentos em mobilidade pelo Governo do Estado de São Paulo e prefeituras.

Em trechos da apresentação, o Metrô relaciona alguns projetos que auxiliou em vários sistemas.

O MSP nas décadas de 80, 90 e 2000, prestou consultoria e serviços para várias operadoras de metrôs no Brasil e no mundo… Bagdá, Caracas, Medellin, Recife, Brasília…

Em 2017 surgiu uma oportunidade para participar de concorrência internacional para gerenciar as O&M´s de 6 linhas do Metrô de Riyadh. Fomos convidados para fazer parte de uma JV com as empresas Hill International e INECO;  Em 15 de junho de 2018, o texto dos Estatutos Sociais da Companhia do Metropolitano de São Paulo – Metrô, consolidado na Assembleia Geral Extraordinária dos Acionistas, em seu artigo 2º, passou a prever que constituem o objeto social da empresa, as atividades de consultoria e venda de serviços

Entre os serviços apresentados estão Engenharia de Implantação de Sistemas Metroferroviários; Gestão e Administração; Operação; Engenharia de Manutenção.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

1 Trackback / Pingback

  1. Companhia do Metrô de SP é selecionada para realizar estudos de viabilidade para concessão do Metrô do DF

Deixe uma resposta