Passageiros enfrentam problemas com nova empresa que opera transporte coletivo em Guarujá

Demora entre um coletivo e outro, superlotação e falhas na bilhetagem estão entre os problemas apontados. Foto: Jessica Marques

City Transporte Urbano Intermodal Ltda assumiu linhas em 1º de fevereiro

JESSICA MARQUES

Os passageiros estão enfrentando problemas nos primeiros dias de operação da City Transporte Urbano Intermodal Ltda, nova empresa responsável pelo transporte coletivo de Guarujá, no litoral paulista.

A viação assumiu as linhas da cidade na última sexta-feira, 1º de fevereiro de 2019. Após licitação, a Prefeitura assinou um contrato de 15 anos com a empresa. A City deveria ter iniciado a operação do sistema em abril, substituindo a Translitoral. Contudo, a Prefeitura alegou más condições no transporte e solicitou a prestação de serviços em caráter emergencial.

O Diário do Transporte acompanhou um dos dias iniciais de operação da empresa na cidade e constatou diversos problemas. As reclamações mais recorrentes apontam para a demora dos ônibus.

No sábado, 2 de fevereiro de 2018, a espera chegou a ultrapassar 1h40 para algumas linhas. A reportagem esteve em um ponto de ônibus da Avenida Marjory da Silva Prado, em Balneario Praia do Pernambuco, próximo ao Shopping Jequiti e constatou a demora, esperando cerca de 40 minutos até a chegada de um coletivo.

No local, moradores já estavam esperando o ônibus há muitos minutos para voltar para casa do trabalho, por volta de 17h. Os passageiros também tiveram problemas para ir trabalhar, pela manhã, incluindo atrasos no horário de chegada.

“Já estou há uma hora e meia no ponto esperando para voltar para casa. Eu saio 5h30 para entrar às 7h e já são quase 17h30. Com a espera vou ficar mais de 12 horas fora de casa”, relatou a recepcionista Taiane Soares, 25 anos.

“Peguei um ônibus com Wi-Fi, entrada para carregar o celular e até ar-condicionado, mas não adianta tudo isso se não passa ônibus”, desabafou.

Contudo, a passageira ressaltou que não são todos os veículos que são novos e possuem recursos tecnológicos para o conforto dos usuários. Ao todo, são 125 veículos operando em Guarujá pela City. Destes, 40 são novos, com ar-condicionado, internet e USB.

Os demais veículos são usados e vieram da capital paulista. A City Transporte Urbano Intermodal Ltda é da família Abreu, que controla companhias como a VIP Transporte Urbano Ltda, que atua na zona Leste e Sul da cidade de São Paulo, por exemplo.

O fato de a empresa estar substituindo uma viação que prestava serviços considerados ruins pela população também está pesando na opinião popular durante os primeiros dias de operação da City.

“Quando a Translitoral estava no final da operação, começou a avacalhar e estava igual está agora, essa demora. A nova empresa não está conseguindo suprir a demanda”, avaliou Wilson Rodrigues, 35 anos, que é morador de Guarujá e trabalha com esporte e lazer na cidade litorânea.

Outro problema constatado por Rodrigues é que o cartão da City apresentou problemas na hora de validar a passagem na catraca. “Não apareceu sem saldo, mas erro no cartão da empresa”, contou.

A falta de preparo dos ônibus também se reflete na forma como o sistema de cobrança de tarifa foi preparado. Além de alguns passageiros relatarem problemas com o cartão magnético, há relatos de que os condutores estão atuando como cobradores e o dinheiro está sendo colocado em potes de sorvete e tupperwares (utilizados na cozinha para guardar alimentos).

No primeiro dia de operação, a empresa não cobrou tarifa dos usuários. A ação foi realizada apenas em 1º de fevereiro.

Relembre: Guarujá tem ônibus gratuitos em primeiro dia de operação da empresa City

“Com essa falta de cobradores e cartões que não funcionam ainda, os motoristas ficam uns dez minutos no ponto cobrando e. com isso, vai lotando e lotando, além de atrasar as viagens”, disse Odacir Jesus dos Santos, 51 anos, que esperou o ônibus durante aproximadamente 1h40 no último sábado, voltando do trabalho de faxineiro de cozinha industrial.

Na ocasião, após a espera, quatro ônibus da City chegaram no ponto da Avenida Marjory da Silva Prado, no sentido centro. Todos estavam lotados e os passageiros enfrentaram dificuldades para embarcar. Os veículos ficaram cerca de dez minutos no local.

Confira a situação do ponto de ônibus da via e o momento da chegada dos ônibus no sábado:

Ao Diário do Transporte, o morador Cleiton de Melo Souza, informou que enviou à empresa uma solicitação de esclarecimento com relação à retirada das linhas 17, 92 e 34. Segundo o documento, os itinerários atendem aos bairros Pedreira e Jardim Virginia.

Souza também cita o descumprimento de horários e a superlotação dos veículos. Problemas que foram apontados também por outros passageiros.

ITINERÁRIOS

Outra reclamação de usuários é que algumas linhas foram substituídas e tiveram alterações de itinerário. Desta forma, alguns passageiros que antes utilizavam apenas um ônibus agora precisam esperar por dois coletivos, o que aumenta consideravelmente o tempo de espera para ir ao trabalho ou voltar para casa.

Entre os relatos também está a fila que formou no terminal rodoviário da cidade, uma vez que o número de integrações aumentou.

A Prefeitura de Guarujá, no litoral de São Paulo, divulgou o itinerário das 26 linhas que começam a operar nesta sexta-feira, 1º de fevereiro de 2019, no município.

Ao todo, serão 26 linhas distribuídas por cinco áreas: Guaiúba, Vicente de Carvalho, Enseada, Morrinhos e Perequê. Os usuários podem conferir rua a rua por onde os ônibus vão passar.

A rede de transporte está com 15 linhas novas, segundo a Prefeitura: 94N, 95N, 96N, 100, 101, 102, 103, 104, 105, 106, 107, 110, 112, 113 e 114 e as outras 11 permanecem as mesmas. São elas: 03, 05, 37, 38, 39, 51, 53, 55, 60, 77, 93.

Confira os itinerários: Guarujá divulga itinerário das 26 linhas que começam a operar nesta sexta-feira

OUTRO LADO

Em nota, a Prefeitura de Guarujá informou, que a empresa terá que sanar os problemas apontados pelos passageiros. Além disso, a administração municipal também informou estar “atenta aos questionamentos e reclamações”.

A Prefeitura informa ainda que até julho todos os ônibus seminovos serão substituídos por veículos zero-quilômetro, conforme consta no edital.

A City, por sua vez, informa que está trabalhando para implantar a primeira fase do projeto reestruturado de transporte público da cidade. A empresa cita investimentos futuros e diz que em quatro meses os ônibus serão zero quilômetro, com ar-condicionado, Wi-Fi e entrada USB.

A viação promete ainda rever linhas e trajetos nos próximos dias e informa que vai anunciar alterações em breve.

Confira a nota na íntegra:

Nós, a City+ Transporte Urbano, compomos um dos maiores grupos de transporte de pessoas do Brasil, e só na capital de São Paulo movimentamos em média 1 milhão e meio de pessoas por dia. Eficácia operacional, tecnologia e conforto são o que caracteriza a qualidade dos nossos serviços, e na cidade de Guarujá não será diferente.

Iniciamos nossas operações no município à zero hora da última sexta-feira, 1° de fevereiro, e desde então estamos trabalhando incansavelmente para implantar a primeira fase deste grande projeto, que é a reestruturação completa do transporte público da cidade.

Contratamos e treinamos funcionários da empresa anterior, investimos na manutenção e zeladoria dos terminais, além, é claro, de trazer 50 novos ônibus 0km – todos equipados com ar-condicionado, wi-fi, entradas USB para carregar equipamentos eletrônicos, como celulares, etc. E a previsão é que em até quatro meses a frota esteja totalmente nesses padrões.

Transparência também é uma característica marcante nossa, portanto, todos os ônibus seminovos utilizados nesses poucos meses têm adesivada em sua lateral a frase “Veículo em fase transitória” , para você saber que ele será substituído muito em breve.

Todo processo em implantação, ainda mais em um serviço essencial como é o transporte público, passa por um período de transição e adaptação, o que acaba gerando alguns transtornos. Por isso, disponibilizamos um efetivo de técnicos 24 HORAS por dia para manter e fiscalizar o nível do serviço prestado.

No final do primeiro dia de operação, junto com a Prefeitura de Guarujá, fizemos uma análise geral para detectar e corrigir possíveis falhas, tanto na operação, como no planejamento dos itinerários.

Mesmo com toda a experiência e Know-how que adquirimos ao longo de décadas de atuação neste segmento, não ficamos livres dos problemas estruturais, de adaptação a realidade local. Temos plena ciência de que para superar todas adversidades deste período de transição a sintonia com os anseios dos usuários, e a velocidade nas adequações, são fundamentais para uma adaptação tranquila.

Sendo assim, comunicamos que iremos rever as linhas e trajetos que de acordo com a prefeitura devem favorecer as necessidades do munícipe, e nos próximos dias iremos anunciar tais mudanças.

CARTÃO CITY

Com a mudança de empresa, o sistema de bilhetagem também mudou, assim como a forma de realizar integração. Com o cartão City o passageiro pode fazer até três integrações em 90 minutos sem custo adicional.

Segundo a Prefeitura, é vedada a utilização no mesmo veículo, na última linha utilizada, no mesmo sentido ou sentido de retorno.

Confira onde e como adquirir os cartões

Cartões CITY+

  • Cidadão é destinado a todos que utilizam o serviço público de transporte coletivo urbano do Município.

Documentos Necessários: RG, CPF, comprovante de Residência.

Locais para emissão e retirada: Terminal Ferry Boat; Shopping Itapema; Unaerp/ Rodoviária

  • Vale Transporte é o cartão concedido pelo empregador aos seus colaboradores, que armazena créditos para utilização no serviço público de transporte coletivo urbano do Município. Desta forma, a empresa está em conformidade com a Lei nº 7.418/85 Art. 5º, que proíbe o empregador de substituir o Vale Transporte por antecipação em dinheiro ou qualquer outra forma de pagamento.

Solicitação: Empresas devem solicitar os cartões de seus funcionários pelo site: www.citymais.com.br. Os cartões devem estar disponíveis no Terminal do Ferry Boat, como consta no site três dias após a solicitação.

  • Estudante é o cartão concedido aos alunos que dá direito ao desconto de 50% no pagamento da tarifa.

Documentos necessários: Imprimir o formulário que está no site www.citymais.com.br, apresentar o formulário padrão com a assinatura e carimbo do (a) Diretor (a)/ Reitor (a) ou representante legal da Instituição de Ensino. Documentos (original e cópia): RG ou Certidão de Nascimento;CPF;
Comprovante de residência atual (até 90 dias) em nome do estudante, ou dos responsáveis quando menor de idade; (Serão aceitos: Contas de água, luz, gás, telefone fixo, correspondência bancaria e IPTU); Certidão de casamento (quando o comprovante de residência estiver em nome do cônjuge).

Locais para emissão e retirada: Terminal Ferry Boat; Shopping Itapema; Unaerp.

  • Sênior é concedido aos cidadãos com idade igual ou superior a 60 anos e garante a gratuidade do serviço público de transporte coletivo urbano do Município.

Durante o mês de fevereiro, os idosos com idade igual ou superior a 60 anos poderão acessar os ônibus apresentando o RG aos motoristas.

Cadastro e Emissão: Os cartões vão ser emitidos a partir do dia 11 de fevereiro

Documentos: RG, CPF e Comprovante de Residência.

Locais para emissão e retirada: Terminal Ferry Boat; Shopping Itapema; Unaerp

  • Especial é concedido às Pessoas com Deficiência, cuja gravidade comprometa sua capacidade de trabalho. Menores de 16 anos com deficiência também têm direito ao benefício conforme legislação vigente que garante isenção do pagamento de tarifa.

Os interessados precisam procurar o Setor do Vale Transporte PNE – Secretaria de Desenvolvimento e Assistência Social (Sedeas)

Rua: Washington 700, Centro – Guarujá – telefone (13) 3384-3336.

Postos de Atendimento:

Unaerp

Av. Dom Pedro I, 3.300

Horário: 9h às 18 horas

Local: piso térreo (próximo ao hall de entrada)

Emissão: Cartão do Estudante 50% / Cidadão / Sênior

Shopping Itapema

Av. Castelo Branco, 357 – Jd. Cunhambebe

Horário: 9h às 18 horas

Local: Salas 21 e 68

Emissão: Cartão do Estudante / Cidadão / Sênior

 

Rodoviária

Av. Santos Dumont, 840 – Santo Antonio

Horário: 9h às 18 horas

Emissão: Cartão do Cidadão

 

Terminal Ferry Boat

Praça das Nações Unidas, s/n – Vila Lygia

Local: Piso Superior – Estudante.

Quiosque piso térreo- Cidadão e Sênior.
Horário: 9h às 18h

Emissão: Cartão do Estudante/ Cidadão/ Sênior

Para esclarecimento de dúvidas e informações, a empresa disponibiliza dois canais de atendimento: 08007720800 e o site www.citymais.com.br.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

8 comentários em Passageiros enfrentam problemas com nova empresa que opera transporte coletivo em Guarujá

  1. Ninguém atende o telefone 08007720800 para tirar dúvidas

  2. … e nem pra tirarem a placa traseira indicando a linha 3749 (Guaianazes / Term. Vl. Carrão)…
    A VIP como um todo tem mais de 1000 veículos e poderia muito bem ter enviado os carros de “meia-vida” – os carros fabricados entre 2015/2016, por exemplo.

  3. Amigos, boa noite.

    Conforme consta na matéria:

    “… relatou a recepcionista Taiane Soares, 25 anos.

    “Peguei um ônibus com Wi-Fi, entrada para carregar o celular e até ar-condicionado, mas não adianta tudo isso se não passa ônibus”, desabafou.”

    Concordo plenamente, estas perfumarias não servem para nada,o que precisa é buzão nas linhas.

    Ontem no Terminal Buta aqui em Sampa, utilizei um EMTOSA e as saídas internas do ar condicionado estavam todas pretas, imaginem os filtros.

    MUDA BARSIL.

    Att,

    Paulo Gil

  4. Márcia Cecília dos Santos Costa // 4 de fevereiro de 2019 às 20:08 // Responder

    Boa noite, ontem peguei um ônibus linha 51 no terminal de Vicente de Carvalho no meio do caminho o ônibus quebrou ficamos uma hora esperando outro,o qual também estava com defeito a porta de desembarque a do meio com defeito não abria Hoje eu tinha consulta agendada no centro do Guarujá cheguei no ponto as 14:15 hs esperamos por mais de uma hora não passou o linha 37.Voltei para casa peguei a bicicleta fui até o terminal de ônibus aqui no Morrinhos onde me deparei com vários ônibus la parado onde até ouve uma colisão entre dois ônibus por falta de espaço para manobrar. Gostaria que fissfo tomada as devidas providências pois é uma falta de respeito com os munícipes desse bairro.Afinal essa empresa veio para melhorar ou piorar o transporte público do Guarujá?

  5. Silvano Fernandes da Silva // 4 de fevereiro de 2019 às 21:41 // Responder

    Acho que tinha que ter um terminal ao lado da rodoviária para aí sim pode fazer integração claro sem ônus ao passageiro . até para facilitar quem vem de SP .

  6. Marcia Regina de Souza Andelucci // 5 de fevereiro de 2019 às 01:43 // Responder

    Gostaria de falar sobre a altura dos degraus , para pessoas idosas,que tem alguns problemas nos joelhos , fica totalmente difícil para subir ou descer dos ônibus , eumesmo tenho duas cirurgias no joelho , e no primeiro dia fui tentar subir no ônibus indo trabalhar , quase cai pra traz porque não conseguia dobrar os joelhos o suficiente para alcançar os degraus , também quero pedir encarecidamente, se for possível colocar de volta a linha do ônibus 90 , que fazia o itinerário do morrinhos , Vila Edna passando pelo túnel indo pra o PEREQUÊ , passando também pela península , tanto na ida e também na volta , e também colocar nesta linha pelo menos três ou quatro ônibus , porque muitas pessoas que moram aqui nos bairros já citados , trabalham no itinerário entre morrinhos e Perequê , tanto de dia como tem também os que trabalham a noite , estou pedindo se possível colocar essa quantidade de ônibus pois muitas vezes , mesmo nós chegar- mos com bem mais antecedência nos pontos de ônibus ,muitas vezes demora de 40 a 60 minutos de atraso , e também por isso quando chega no ponto do ônibus aonde estamos esperando , o mesmo já está tão cheio que fica muito difícil para entrar nos ônibus , ou os motoristas nem para porque não teria como entrar , e agora nos dias de sol , aí então é super difícil , porque muitas vezes estamos arrumandos pra ir trabalhar , e acabamos chegando no trabalho todos sujos de ateia e até em algumas vezes molhados , porque as pessoas estão voltando da praia , e não tem culpas de não ter espaço suficiente pra que não aconteça esse tipo de problema , nós entendemos que eles têm o seu direito de se divertir com suas famílias , e que quando chega a hora de vim embora , todos querem chegar logo as suas casas e quem está indo trabalhar , também tem que chegar no seu trabalho no horário , espero boas notícias dá parte das autoridades competentes que pode resolver esses problemas obrigado , e que Deus os abençoe , dando sabedoria para achar a melhor solução possível para todos

  7. Isso aí é pra que acho que com a saida da translitoral tudo estaria resolvido

  8. Fábio Rodrigues Evangelista // 24 de fevereiro de 2019 às 14:10 // Responder

    Precisamos de itinerário

1 Trackback / Pingback

  1. Cartão Sênior do transporte público de Guarujá garante desconto em redes de farmácias – Diário do Transporte

Deixe uma resposta