Tarifa de ônibus em Mauá sobe para R$ 4,30 no dia 05 de fevereiro

Publicado em: 25 de janeiro de 2019

Suzantur alegou aumento de custos. Foto: Adamo Bazani (Diário do Transporte) – Clique para Ampliar

Vale –Transporte vai para R$ 5,30. Professores da Rede Pública Municipal continuam com 50% de desconto

ADAMO BAZANI

A última cidade do ABC Paulista que faltava aumentar a tarifa de ônibus, Mauá, decretou o reajuste.

A partir do dia 05 de fevereiro, a tarifa da Suzantur, que opera as linhas municipais, sobe de R$ 4,00 para R$ 4,30.

O decreto com o reajuste foi publicado nesta sexta-feira, 25 de janeiro de 2019, pela prefeita em exercício, Alaíde Damo.

O Vale-Transporte, pago por comerciantes e empresários e repassado aos funcionários, salta para R$ 5,30.

Ainda de acordo com o decreto 8505, os professores da rede pública municipal continuam com o desconto de 50% passagens.

Estudantes de baixa renda, pessoas com 60 anos ou mais e policiais têm mantidas as gratuidades.

Segundo a prefeitura, não havia reajuste desde o final de fevereiro de 2017.

A empresa Suzantur havia pressionado a prefeitura para o reajuste, alegando que neste período registrou aumentos nos custos operacionais, como com os reajustes dos preços de óleo diesel, pneus, lubrificantes, de salários dos funcionários, além da necessidade de pagar o financiamento dos ônibus novos para o sistema.

GRANDE SÃO PAULO:

Confira os reajustes de tarifa por município da Grande São Paulo:

Mauá: De R$ 4,00 para R$ 4,30 – 05 de fevereiro de 2019

Arujá: de R$ 4,05 para R$ 4,50 – 20 de janeiro de 2019

Suzano: de R$ 4,10 para R$ 4,40 – 20 de janeiro de 2019

Itapecerica da Serra: De R$ 3,50 para R$ 3,75 – 13 de janeiro de 2019

São Caetano do Sul: De R$ 4,20 para R$ 4,50 –  13 de janeiro de 2019

Mogi das Cruzes: De R$ 4,10 para R$ 4,50 – 13 de janeiro de 2019

Cajamar: De R$ 4,35 para R$ 4,60 – 13 de janeiro de 2019

Ribeirão Pires: De R$ 4,00 para R$ 4,40 – Vale-Transporte: R$ 4,60 – 13 de janeiro de 2019

Rio Grande da Serra: De R$ 3,80 para R$ 4,20 – 12 de janeiro de 2019

Francisco Morato: De R$ 4,20 para R$ 4,45 – 07 de janeiro de 2019

Franco da Rocha: De R$ 4,35 para R$ 4,60 – 07 de janeiro de 2019

Santo André: De R$ 4,40 para R$ 4,75 e Vale-Transporte de R$ 5,50 para R$ 5,95 – 06 de janeiro de 2019

Caieiras: De R$ 4,35 para R$ 4,60 – 06 de janeiro de 2019

Diadema: De R$ 4,40 para R$ 4,65 – 06 de janeiro de 2019
(Cartão SOU Comum – R$ 4,25 / Dinheiro –  R$ 4,65 / Vale Transporte – R$ 4,88)

Barueri: De R$ 4,35 para R$ 4,50 – 06 de janeiro de 2019

Carapicuíba: De R$ 4,35 para R$ 4,50 – 05 de janeiro de 2019

Osasco: De R$ 4,35 para R$ 4,50 – 01º de janeiro de 2019

São Bernardo do Campo: De R$ 4,40 para R$ 4,75 – 01º de janeiro de 2019

Itapevi:  De R$ 4,35 para R$ 4,50. – 01º de janeiro de 2019

EMTU:

A EMTU – Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos aumentou no dia 20 de janeiro as tarifas de ônibus comuns, ônibus seletivos, trólebus e ônibus do Corredor ABD e o VLT da Baixada Santista que

Os reajustes ocorrem na Região Metropolitana de São Paulo, Região Metropolitana da Baixada Santista, Região Metropolitana do Vale do Paraíba e Litoral Norte e Região Metropolitana de Sorocaba.

CONFIRA CLICANDO SOBRE OS ARQUIVOS OFICIAIS:

 

– Região Metropolitana de São Paulo

GRANDE SÃO PAULO

– Região Metropolitana da Baixada Santista

BAIXADA SANTISTA

– Região Metropolitana do Vale do Paraíba

VALE DO PARAÍBA E LITORAL NORTE

– Região Metropolitana de Sorocaba

SOROCABA E REGIÃO

CORREDOR ABD/METRA:

As tarifas dos trólebus e ônibus do Corredor Metropolitano ABD, que estavam sem reajuste desde 2017, passaram no dia 20 de R$ 4,30 para R$ 4,80.

O Corredor ABD liga São Mateus, na zona Leste da cidade de São Paulo, ao Jabaquara, na zona sul, em 33 km, passando por Santo André, Mauá (Terminal Sônia Maria), São Bernardo do Campo e Diadema, e o trecho e de 12 km entre Diadema e o Brooklin, na zona Sul de São Paulo.

Para o passageiro passar dos ônibus municipais de Diadema, nos terminais Piraporinha e Diadema, e de São Paulo, no terminal São Mateus, para os ônibus e trólebus operados pela Metra, no Corredor ABD, tem agora de pagar com o Cartão BOM R$ 1,10. A tarifa anterior era de R$ 1.

Sem o Cartão BOM é necessário pagar tarifa cheia

ÔNIBUS ABC – SACOMÃ:

 

ÔNIBUS RIO GRANDE DA SERRA – LINHA 10 TURQUESA DA CPTM:

Os passageiros da empresa Rigras, em Rio Grande da Serra, que também utilizam os trens da linha 10-Turquesa, da CPTM, passaram a pagar R$ 6,75 em 20 de janeiro de 2019

TAXA DE EMBARQUE NO TIETÊ:

A taxa de embarque que é cobrada junto às tarifas dos ônibus seletivos gerenciados pela EMTU e operado por empresas particulares vai para R$ 2,10 neste domingo, 20 de janeiro de 2019.

ÔNIBUS EMTU PARA OS AEROPORTOS:

A tarifa dos ônibus seletivos da Airport Bus Service com destino aos aeroportos de Congonhas, a na Zona Sul, e Internacional de São Paulo, em Guarulhos,  passou no dia 20 de janeiro para R$ 52,20.

Os ônibus comuns da Airport Bus Service passam a ter tarifa de R$ 6,45.

EMTU e SPTRANS NO GRAJAÚ:

As tarifas dos ônibus metropolitanos do sistema EMTU que são integrados no terminal Grajaú, na zona Sul de São Paulo, passaram para R$ 4,80 no dia 20 de janeiro de 2019.

ÔNIBUS EMTU E METRÔ NO CAMPO LIMPO E CAPÃO REDONDO:

A tarifa entre o Metrô e os ônibus metropolitanos nos terminais Campo Limpo e Capão Redondo teve reajuste também em 20 de janeiro de 2019.

O complemento da tarifa básica para quem sai do Metrô e vai para a EMTU terá variação entre R$ 0,60 e R$ 1,25, dependendo da linha.

POR ÁREAS OPERACIONAIS:

Os valores variam de acordo com a extensão das linhas e tipo de serviço.

As áreas da EMTU são:

Área 1 de concessão engloba os municípios de Juquitiba, São Lourenço da Serra, Embu-Guaçu, Itapecerica da Serra, Embu, Taboão da Serra, Vargem Grande Paulista e Cotia.

Área 2 abrange Cajamar, Caieiras, Itapevi, Jandira, Carapicuíba, Osasco, Barueri, Santana de Parnaíba, Pirapora do Bom Jesus, Francisco Morato e Franco da Rocha.

Área 3 inclui Guarulhos, Arujá, Mairiporã e Santa Isabel.

Área 4 de concessão contempla Ferraz de Vasconcelos, Itaquaquecetuba, Poá, Mogi das Cruzes, Guararema, Biritiba Mirim, Salesópolis e Suzano.

Área 5, que opera em sistema de permissão, inclui os sete municípios do ABC, além do Corredor ABD (São Mateus–Jabaquara), operado pela concessionária Metra.

BAIXADA SANTISTA

A tarifa do VLT – Veículo Leve sobre Trilho entre Santos e São Vicente subiu para R$ 4,40 neste 20 de janeiro de 2019 e as passagens dos ônibus da BR Mobilidade variam de acordo com a extensão da linha e tipo de serviço:

 

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

 

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Comentários

  1. Daiane Cristina de Lima disse:

    Legal o aumento da passagem em Mauá de 4,00 para 4,30, mais para nós que trabalhamos em empresas fica difícil o empresário continuar com um funcionário que paga 5,30 numa droga de passagem que é uma porcaria de transporte.
    A pergunta que faço a essa mulher que se refere prefeita é porque o aumento não é igual como todas outras cidades????
    Só falo uma coisa vocês políticos parem de roubar porque assim fica difícil trabalhar mais,ainda do que já está né.
    Aumentei mais que seja um aumento justo …
    Bando de ladrões.

  2. Santos disse:

    Pra piorar agora está com uma fila enorme na bilheteria por que os funcionários estão demorando pra dar o troco, fazendo o terminal ficar uma bagunça desgraçada.

Deixe uma resposta