Viação Campo dos Ouros tem frota de ônibus com idade média mais alta de Guarulhos

Caso a empresa não cumpra o novo prazo estipulado para a renovação da frota, os ônibus serão tirados de circulação "até que a irregularidade seja sanada", diz prefeitura. Viação e Guarupass não responderam contato. Foto: Roberto Teixeira/Ônibus Brasil - Clique para Ampliar

De acordo com a Prefeitura, empresa tem até dezembro para entregar 50 novos veículos

JESSICA MARQUES

A Viação Campo dos Ouros está com a frota de ônibus urbanos com a idade média mais alta de Guarulhos, na Região Metropolitana de São Paulo. O limite estipulado é de dez anos e os 226 veículos chegam a 6,47, conforme informado pela Prefeitura.

A administração municipal informou que estabeleceu um novo prazo para a empresa regularizar a situação e renovar a frota, antes de suspender a operação. Segundo a Prefeitura, a Viação Campo dos Ouros deve entregar 50 ônibus novos para renovar parte da frota até dezembro.

Caso a empresa não cumpra o novo prazo estipulado para a renovação da frota, os ônibus serão tirados de circulação “até que a irregularidade seja sanada”.

A Prefeitura de Guarulhos informou ainda que as empresas ônibus Vila Galvão (com 275 veículos) e Viação Urbana Guarulhos (254) renovaram a frota com 50 veículos cada, totalizando 100 novos coletivos, neste ano.

“Apenas a Campo dos Ouros, com 226 carros, não renovou, sendo que seus carros tem cerca de 6 anos de uso”, informou a administração municipal, em nota. Alguns dos ônibus chegam a até dez anos.

Procurada pela reportagem do Diário do Transporte, a empresa e a Guarupass – Associação das Concessionárias de Transportes Urbano de Passageiros de Guarulhos e Região, não se manifestaram sobre a idade média da frota.

A falta de renovação da frota é um problema apontado por moradores da cidade, que relatam sofrer com ônibus sucateados, sem manutenção, que quebram com frequência e são desconfortáveis ao longo do trajeto.

“A Prefeitura tem que aumentar a fiscalização, infelizmente há certos carros que não têm condições de rodar”, avaliou o morador de Guarulhos e oficial de manutenção Fabio Lima Coelho, 31 anos.

INTEGRAÇÃO

Além das dificuldades com a condição dos veículos municipais da Viação Campo dos Ouros, os moradores de Guarulhos também relatam desafios no transporte intermunicipal.

A falta de integração física e tarifária entre os ônibus e trens da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) em Guarulhos foi citada pelos moradores da cidade como um ponto que deve ser melhorado.

Confira a reportagem especial do Diário do Transporte sobre o assunto:

População sofre com falta de rede integrada de transporte em Guarulhos

Jessica Marques para o Diário do Transporte

 

4 comentários em Viação Campo dos Ouros tem frota de ônibus com idade média mais alta de Guarulhos

  1. Essa campo dos ouros tem os piores coletivos de Guarulhos e é nítida a falta de ônibus articulados para suprir a demanda das linhas que fazem o itinerário até o terminal pimentas /Região do Bonsucesso no horário de pico ,Guarulhos precisa melhorar muito em questão de infraestrutura para o transporte público ,também na questão que o nosso “querido ‘prefeito não exige que os onibus tenham ar condicionado. .

  2. Wellington Silva // 30 de agosto de 2018 às 11:26 // Responder

    Pois é Jéssica, minha cidade está em alta aqui, rsrs. E obrigado Fábio, você tem contribuído com informações reais.
    Infelizmente essa empresa é um poço de desorganização, cultura que afeta os funcionários a ponto de deixá-los desrespeitosos com os usuários. Recentemente a Atual (irmã que opera no Intermunicipal) deixou de operar com seu único ônibus na linha 584, e a diferença de anos com os ônibus da Guarulhos Transportes eram nítidas. Fora que no período da Copa ainda presenciei o ônibus saindo de seu itinerário, pois o respectivo motorista “não queria perder o jogo”. Mas para quem vamos reclamar?
    Honestamente, quem dera essa empresa fosse excluída para a entrada de um novo grupo no sistema municipal, porque entregar a área 3 para a NIFF (que já opera aqui através da Vila Galvão e Viação Urbana) não considero saudável, pois nosso transporte ficaria totalmente refém de uma empresa.

  3. Após a troca dos veículos, sugiro também uma reciclagem quanto ao motoristas, mal educados, que não respeitam as leis de trânsito, e nem aos outros ( veiculos/pedestres)

  4. Fui cobrador da empresa Campos dos ouros as vezes nao e motorista e cobrador SIM passageiros que nao tem Educacao.Campos dos otima empresa so trocar administracao vai melhorar muito.

1 Trackback / Pingback

  1. Idade média da frota de ônibus de Guarulhos é de 6,28 anos – Diário do Transporte

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: