Operação PAESE para a linha 12-Safira nesta manhã, que está com velocidade reduzida

Linha 12 é a que mais recebe reclamações. Foto de Arquivo – Adamo Bazani

Motivo é que CPTM não conseguiu concluir as “obras de modernização” realizadas ontem

ADAMO BAZANI

Passageiros da linha 12-Safira (Brás – Calmon Viana) enfrentam trens mais lotados que o habitual, mais lentos e com maiores intervalos.

Segundo a CPTM – Companhia Paulista de Trens Metropolitanos, são realizadas obras de modernização programadas.

O Diário do Transporte apurou com funcionários da empresa que disseram que as obras que deveriam ter sido realizadas ontem não foram concluídas. Neste domingo, estavam sendo realizadas intervenções no sistema de sinalização que controla os trens.

Por causa da demanda e dos transtornos aos passageiros, a CPTM teve de acionar o apoio de ônibus da Operação PASE, que vão atuar entre as estações Engenheiro Goulart e Tatuapé.

Conforme mostrou o Diário do Transporte, os acionamentos dos ônibus da operação PAESE pela CPTM têm sido cada vez mais numerosos.

Com base na Lei de Acesso à informação, a reportagem apurou que os gastos da CPTM com Operação PAESE subiram 72,8% em 2017 e chegaram a R$ 2,16 milhões.

Relembre:

https://diariodotransporte.com.br/2018/04/23/exclusivo-gastos-da-cptm-com-operacao-paese-sobem-728-em-2017-e-chegaram-r-216-milhoes/

Ainda em outra reportagem, o Diário do Transporte mostrou que a linha 12 é a que mais recebe reclamações. A CPTM atribuiu o fato aos reflexos das obras de modernização.

Relembre:

https://diariodotransporte.com.br/2018/06/04/metro-de-sao-paulo-e-nota-6-e-linha-12-e-a-que-mais-recebe-reclamacoes-na-cptm/

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

Deixe uma resposta