Paralisação de caminhoneiros contra alta do diesel

Veículos fazem bloqueios  em diversas partes do País

ADAMO BAZANI

Caminhoneiros realizam na manhã desta segunda-feira, 21 de maio de 2018, paralisações em diversas partes do Brasil.

Os profissionais fazem os atos contra os aumentos constantes de preços do óleo diesel.

São registrados bloqueios em vias urbanas e rodovias de Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e São Paulo, em diferentes cidades. No dia 16 de maio, quarta-feira passada, caminhoneiros já haviam bloqueado por algumas horas a rodovia Anhanguera, em São Paulo, no km 147 sentido interior.

Os caminhoneiros dizem que não estão conseguindo repassar todos os aumentos para os fretes porque poderiam perder trabalho.

As altas do diesel têm ocorrido desde julho do ano passado com a nova política de preços da Petrobrás.

O setor de transporte de passageiros também se queixa.

Segundo a NTU, entre janeiro e o dia 15 de maio, os prejuízos registrados foram de R$ 1 bilhão. A associação representa as empresas de ônibus urbanos.

Relembre:

Empresas de ônibus dizem que acumularam prejuízos de R$ 1 bilhão neste ano por causa do aumento de 11% no diesel entre janeiro e maio

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

 

 

 

 

 

 

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Elvis disse:

    Se a nossa gasolina fosse comprada de empresas estrangeiras estaríamos pagando bem menos, a Petrobras e um cabide de empregos e sua folha salarial e alienígína, se fosse privatizada a empresa compradora teria que demitir todos os seus funcionários pois recebem salários acima do padrão mundial, e quem paga esta conta somos nós o povo desse pais, a Petrobras não e do povo e sim de uma minoria que se lambuza de uma empresa que já deveria ter sido privatizada a décadas.

Deixe uma resposta