Eletromobilidade

Trechos 1 e 3 do BRT de Salvador começam testes e ônibus elétrico Eletra/Caio/MBB/WEG é apresentado para o sistema

Ônibus elétrico (verde) e a diesel (azul)

Operação assistida tem início em horário reduzido em 4,5 km que abrangem seis estações

ADAMO BAZANI

Os trechos 1 e 3 do sistema de BRT (Bus Rapid Transit) de Salvador entram em testes nesta sexta-feira, 30 de setembro de 2022.

A operação assistida, já com o transporte de passageiros, tem início neste sábado, 1º de outubro de 2022.

O funcionamento será em horário reduzido, das 9h às 16h, durante todo o mês de outubro, sem cobrança de tarifa.

TRECHOS:

O trecho 1, aberto em 2020, é entre o Shopping da Bahia o Parque da Cidade. Já o trecho 3, apresentado nesta sexta-feira (30), vai do Parque da Cidade até o Posto Namorados, na Pituba.

Ambos somam 4,5 km e abrigam seis estações: Rodoviária, Hiper, Cidadela, Parque da Cidade, Itaigara e Pituba. As obras dos trechos 1 e 3 custaram R$ 283 milhões

A prefeitura estima que as operações comerciais, com horário integral e cobrança de tarifa, comecem em novembro, quando a cidade já deve ter recebido 44 ônibus.

O trecho 2 do BRT está ainda em obras e vai do Parque da Cidade à Estação da Lapa, passando pelas avenidas Juracy Magalhães e Vasco da Gama, com 7 km. Este trajeto é o percurso inverso do que é feito pelo metrô. O custo será de R$ 204 milhões, incluindo a construção de três elevados e sete estações. A entrega das obras deve ocorrer até 2024

Ao todo, quando as três tapas forem concluídas, o BRT Salvador terá 11,4 km de extensão e 13 estações. O custo total é de R$ 487 milhões.

Os corredores devem atender um total de 360 mil passageiros por dia com o sistema completo.

ÔNIBUS ELÉTRICOS E A DIESEL

Modelo elétrico com baterias

Foram apresentados nesta sexta-feira (30), os modelos de ônibus que vão operar o sistema: serão veículos elétricos e a diesel.

Os ônibus elétricos, inicialmente oito no total, têm capacidade para 72 passageiros, com portas em ambos os lados da carroceria.

Como mostrou o Diário do Transporte, a tecnologia de integração elétrica é da empresa Eletra, fabricante de São Bernardo do Campo, no ABC Paulista. Os chassis são da Mercedes-Benz O500 U (piso baixo) e as carrocerias de 12,5 m são do modelo eMillennium, da Caio. Baterias, inversores e motores elétricos são de fabricação de WEG.

Relembre:

https://diariodotransporte.com.br/2022/09/29/eletra-apresenta-onibus-eletricos-nesta-sexta-30-em-salvador-e-vai-lancar-mais-tres-modelos-neste-ano/

Segundo as fabricantes e a prefeitura, além de não emitir gases poluentes, o modelo elétrico possui diversos itens produzidos em polímero, material 100% reciclável.

Os veículos elétricos têm ar-condicionado e possuem rampas móveis, poltronas reservadas e espaço para cadeirantes, oferecendo acessibilidade para pessoas com deficiência (PCD), mobilidade reduzida e idosos.

Já os ônibus a diesel têm capacidade 89 passageiros e portas em ambos os lados da carroceria.

Ônibus a diesel

A motorização é traseira.

Os veículos também possuem ar-condicionado, acessibilidade por meio de piso baixo e rampas.

As carrocerias são do modelo Caio Millennium Geração V e os chassis e motores foram produzidos pela Mercedes-Benz, em São Bernardo do Campo.

CCO:

A prefeitura de Salvador ainda informou que o BRT terá um CCO (Centro de Controle Operacional), por onde será possível acompanhar em tempo real a circulação dos ônibus e as condições das estações.

As informações para esta central serão enviadas pelas câmeras de monitoramento instaladas nos terminais e estações, pelo sistema de georreferenciamento dos equipamentos de GPS nos ônibus.

Veja imagens dos veículos elétricos:

 

O e-Bus da Eletra, em sua primeira viagem, faz parada na Estação Hiper, em Salvador (BA)

Edmilson e Heloizio Lopes Grupo Ótima, Zezinho da Caio Induscar, Fabrizzio Muler Secretário de Mobilidade de Salvador, Milena Braga Romano, presidente da Eletra e Felipe Grupo Plataforma

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Informe Publicitário
   
Assine
     
Comentários

Deixe uma resposta