ITA confirma desistência de compra de aérea por parte de Galeb Baufaker

Empresa voou por cerca de seis meses até interromper as operações perto do natal de 2021. Foto: Diário do Transporte.

Com isso, companhia, que está sem operar desde dezembro, continua nas mãos de Sidnei Piva de Jesus

ADAMO BAZANI/WILLIAN MOREIRA

O empresário Galeb Baufaker Junior, dono da Baufaker Consulting, anunciou nesta terça-feira, 03 de maio de 2022, que protocolou na data de ontem (02), uma petição desistindo da compra da ITA Transportes Aéreos.

O motivo da desistência seria o bloqueio da movimentação do patrimônio da empresa, o que impede a venda do ramo aéreo do grupo.

Em nota ao Diário do Transporte, a ITA confirmou a desistência de compra de aérea por parte de Galeb Baufaker. Confira:

“ITA – Transportes Aéreos informa que foi uma decisão unilateral do comprador. Informa ainda que a ITA será mantida até que nova proposta seja apresentada.”

Entretanto, a Baufaker Consulting deixou a possibilidade de outra negociação acontecer no futuro, após assembleia dos credores e outras decisões da Justiça.

Com a decisão de interromper a compra, a ITA volta a ser posse de Sidnei Piva de Jesus.

Como mostrou o Diário do Transporte, a compra pelo empresário de Brasília foi anunciada no mês de abril deste ano, com o anúncio da intenção de retomar as operações na aviação.

Relembre:

ITA (Itapemirim Transportes Aéreos) é vendida para grupo de Brasília, confirma empresa

Willian Moreira em colaboração especial para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

Deixe uma resposta