São Bernardo do Campo (SP) inicia obras viárias para ligar Avenida Piraporinha até o Corredor ABD

Obra prevê ainda construção de dois viadutos de 400 metros de extensão cada. Foto: Ricardo Cassin/PMSBC.

Via que está sendo construída recebe o nome de Avenida Marginal Ribeirão dos Couros

JESSICA MARQUES

A Prefeitura de São Bernardo do Campo, no ABC Paulista, iniciou as obras viárias de ligação da Avenida Piraporinha até o Corredor ABD.

O viário começou a ser construído na manhã desta quarta-feira, 12 de janeiro de 2022. A via recebe o nome de Avenida Marginal Ribeirão dos Couros, no bairro Jordanópolis, próximo à divisa com Diadema.

Na ocasião, o prefeito Orlando Morando assinou a ordem de serviço que autorizou o início dos trabalhos.

O viário será construído às margens do Córrego Ribeirão dos Couros. A nova avenida marginal terá dois quilômetros de extensão e seis pistas de rolamento, sendo três em cada sentido, além de ciclovia.

Com isso, os motoristas terão uma ligação direta com a Estrada dos Alvarengas, Avenida Robert Kennedy, Avenida 31 de Março, facilitando assim a conexão entre o eixo São Bernardo e Diadema.

Segundo a Prefeitura, a expectativa é a de que 30 mil motoristas circulem diariamente pela nova avenida.

“A previsão é ter a obra completa concluída em até 24 meses, mas essa parte viária até o Piraporinha pretendemos entregar até o Natal de 2022”, afirmou o prefeito Orlando Morando, em nota.

VIADUTOS

Ainda segundo a Prefeitura, as obras preveem ainda a construção de dois viadutos, com 400 metros de extensão cada, no Corredor ABD, próximo à região do Extra Anchieta, visando otimizar o deslocamento para quem segue em direção aos bairros Paulicéia e Taboão.

O objetivo é que com a instalação dos elevados, os semáforos da região sejam retirados, dando mais fluidez aos motoristas que passam por esta área.

INVESTIMENTO

Ao todo, R$ 95 milhões serão investidos na execução das obras, sendo este montante obtido por meio de financiamento junto à Caixa Econômica Federal com recursos do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço).

O financiamento foi autorizado pelo ministro de Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, no mês passado.

O financiamento das obras pelo FGTS segue as disposições previstas no Programa de Infraestrutura de Transporte e da Mobilidade Urbana (Pró-Transporte) e é regulamentado pela Instrução Normativa nº 3/2021.

CANALIZAÇÃO

A construção do novo viário ocorre após a Prefeitura de São Bernardo concluir a canalização do Córrego Ribeirão dos Couros, justamente no trecho entre o Corredor ABD e a Avenida Piraporinha.

A obra foi entregue também nesta quarta-feira (12). Neste caso, foram investidos R$ 42 milhões na execução deste projeto.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Márcio disse:

    Obra importante. Vai melhorar o trânsito na Fagundes de Oliveira por exemplo. De todas as obras entregues recentemente só ficou devendo um acesso a Anchieta sentido São Paulo para quem vem pela José Odorizzi. Até hoje não entendo por que não fizeram.

  2. Silver Nascimento disse:

    A saúde na UTI! segurança,, idem!

  3. Luis Nunez disse:

    E o corredor de onibus que estava projetado para esta avenida? (https://diariodotransporte.com.br/2021/01/09/prefeitura-de-sao-bernardo-do-campo-homologa-consorcio-para-obras-de-conclusao-do-corredor-de-onibus-ribeirao-dos-couros/ ) Desistiram do projeto? Em nenhum veículo de comunicação citam o mesmo.

  4. Nivaldo disse:

    Bobagem minha: onde tem outro ABC além de São Paulo?

  5. Efp disse:

    Acesso para este corredor pra quem vem do litoral, nada!!!!!

  6. Rafa disse:

    Mantendo o semáforo o trânsito vai para da mesma coisa, devido ao excesso de veiculo no horário de pico. Além da poluição visual.

Deixe uma resposta