Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra ainda avaliam reajuste na tarifa de ônibus

Definições devem ser divulgadas nos próximos dias. Foto: Divulgação.

No ABC Paulista, São Bernardo do Campo, Mauá e Diadema já anunciaram aumentos no preço da passagem

JESSICA MARQUES

As prefeituras de Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra ainda avaliam se haverá ou não um reajuste na tarifa de ônibus. No ABC Paulista, São Bernardo do Campo, Mauá e Diadema já anunciaram aumentos no preço da passagem.

Em nota ao Diário do Transporte, a Prefeitura de Ribeirão Pires informou que “está avaliando essa possibilidade e deve definir a questão nos próximos dias”.

Já Rio Grande da Serra informou apenas que “o reajuste da tarifa está em estudo”.

ABC PAULISTA

A Prefeitura de Santo André confirmou que não terá aumento na tarifa do transporte público do município em 2022.

Relembre:

Santo André (SP) confirma que não terá aumento na tarifa de ônibus em 2022

Já São Caetano do Sul descartou um reajuste “para o momento”.

Relembre:

São Caetano do Sul (SP) descarta reajuste na tarifa de ônibus para o momento

Por fim, as cidades de São Bernardo do Campo, Mauá e Diadema anunciaram reajustes na tarifa do transporte coletivo.

Relembre:

Diadema sobe tarifa de ônibus para R$ 5,10 em dinheiro em 02 de janeiro de 2022

Mauá sobe tarifa de ônibus para R$ 5 em dinheiro em 29 de janeiro de 2022

Tarifa de ônibus em São Bernardo do Campo sobe para R$ 5,10 a partir de 02 de janeiro de 2022

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta