Grajaú e Viaduto Antártica recebem novas faixas de ônibus na capital paulista

Faixa Viaduto Antártica

Espaços somam cerca de 2,5 km

ADAMO BAZANI

Duas regiões da cidade de São Paulo receberam novas faixas para ônibus.

A informação é da SPTrans (São Paulo Transporte), nesta segunda-feira, 27 de setembro de 2021.

Os espaços para o transporte coletivo são na região do Terminal do Grajaú, na zona Sul da capital paulista, e no Viaduto Antártica, na zona Oeste.

Em ambos os locais, os espaços somam cerca de 2,5 km

Veja os detalhes de cada localidade:

Grajaú:

Serão três novas faixas somando 0,43  km na Av. Grande São Paulo (entre o número 105 e a Avenida Dona Belmira Marin); na Rua Giovanni Bononcini (entre a Avenida Dona Belmira Marin e altura do número 245); e na Rua Dr. Oscar Andrade Lemos (entre a Rua Eduardo Ramos e a Avenida Dona Belmira Marin).

O funcionamento é de segunda a sexta-feira, das 5h às 20h e, aos sábados, das 5h às 14h, com frequência de 117 ônibus na hora pico. Serão beneficiados, aproximadamente, 52 mil passageiros que utilizam 17 linhas diariamente.

Viaduto Antártica:

Foi implantando um total de 1,9 km de nova faixa exclusiva para ônibus no Viaduto Antártica, na Barra Funda, Zona Oeste, somando ambos os sentidos.

A faixa é entre a Av. Marquês de São Vicente e a Rua Barão de Tefé, com início da operação já na segunda-feira, 27 de setembro.

O funcionamento é de segunda a sexta-feira, das 6h às 9h no sentido centro e das 16h às 20h no sentido bairro.

Quatro linhas de ônibus vão utilizar as faixas exclusivas. Serão beneficiados 46.629 passageiros diariamente.

“As faixas exclusivas de ônibus conferem maior eficiência ao sistema e contribuem para a redução do tempo de viagem. Assim, há melhora no deslocamento de passageiros pela cidade de forma segura, acessível e sustentável.” – diz a SPTrans em nota.

FAXAS ESTÃO NA META ATÉ O FIM DA GESTÃO:

Como mostrou o Diário do Transporte, a implantação de 50 km de faixas de ônibus até o fim da gestão, com o prefeito Ricardo Nunes e iniciada por Bruno Covas, estão no Plano de Metas 2021-2024.

Também figuram a implantação de 40 quilômetros de novos corredores de ônibus, trechos de BRTs (Bus Rapid Transit) e 2,6 mil ônibus elétricos.

Confira:

https://diariodotransporte.com.br/2021/07/01/plano-de-metas-sp-2021-2024-promete-2600-onibus-eletricos-dois-brt-40-km-de-corredores-e-50-km-de-faixas-exclusivas/

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

Deixe uma resposta