Mercedes-Benz lança “telemetria/ITS 4.0” para ônibus no Brasil e OF-1730 com entre-eixo alongado para América Latina

Diretor de vendas e marketing ônibus da Mercedes-Benz do Brasil, Walter Barbosa

Marca também anuncia um pacote específico para ônibus que transportam trabalhadores em mineradoras; Seis “Super-Padrão” foram vendidos para o sistema de Goiânia

ADAMO BAZANI

A Mercedes-Benz anunciou nesta segunda-feira, 20 de setembro de 2021  ,um novo sistema de telemetria, Intelligent Transportation System (ITS) e conectividade para ônibus no Brasil que promete ter melhor desempenho e mais precisão na geração e classificação de dados operacionais.

De acordo com o diretor de vendas e marketing ônibus da Mercedes-Benz do Brasil, Walter Barbosa, entre as vantagens estão a detecção de eventos operacionais por georreferenciamento (local, horário e data exatos), interface pela web (internet), monitoramento e diagnóstico de falhas em tempo real. Com isso, a frota pode ter uma manutenção mais assertiva e os ônibus ficarem menos tempo parados.

Barbosa disse ainda que a nova tecnologia estará disponível para vendas em 2022, mas será feito um projeto piloto já em outubro.

O sistema estará disponível para todos os modelos de ônibus Mercedes-Benz.

SUPER-PADRÃO PARA GOIÂNIA

O executivo ainda revelou que seis ônibus O 500 R Super Padron (urbano – motor traseiro) foram vendidos para o sistema de  Goiânia. Os veículos devem ser entregues ainda neste ano.

Como mostrou o Diário do Transporte, o modelo foi lançado em 17 de março de 2021.

Trata-se de um veículo para carrocerias de 14 metros e até 100 passageiros, que se posiciona entre o ônibus padron de 13,2 metros e o articulado de 18 metros, com a vantagem de ter dois eixos apenas.

Relembre:

https://diariodotransporte.com.br/2021/03/17/mercedes-benz-lanca-chassi-padron/

OF-1730 com entre-eixo alongado

No evento Lat.bus, a Mercedes-Benz anunciou ainda para a América Latina, uma nova configuração para o OF-1730, ônibus de motor dianteiro com cerca de 300 cavalos de potência.

A opção traz um entre-eixos maior, de 6,5 metros, indicado para fretamento.

O primeiro país a ter o veículo é o Peru e o ônibus dever ter aplicações em fretamento para transporte de trabalhadores em áreas de tráfego mais severo.

O modelo, entretanto, não ficará apenas disponível para o mercado peruano.

Essa configuração do OF-1730  pode receber carrocerias entre 12,8 e 13,2 metros de comprimento.

ÔNIBUS PARA MINERADORAS:

Um dos segmentos que mais tem demandado ônibus novos e diferenciados é o de transporte de trabalhadores em mineração.

Para isso, a Mercedes-Benz apresentou um pacote especial para preparar os ônibus para estas operações que exigem veículos com componentes mais fortes.

Entre os itens estão pacotes de segurança ativa específicos, pneus de uso misto para tráfego convencional e fora de estrada e tratamento anticorrosivo de chassis.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

Deixe uma resposta