Furto de cabos causa interrupção de operações no Ramal de Japeri na SuperVia

Agetransp monitora fluxo

Problema tem sido constante no trecho

WILLIAN MOREIRA

A SuperVia, concessionária que administra o sistema de trens urbanos no Rio de Janeiro, comunicou a suspensão da circulação dos trens no ramal de Japeri e a extensão Paracambi na tarde desta segunda-feira, 30 de agosto de 2021, devido falta de segurança operacional.

As estações que compõe este trajeto foram fechadas para embarque e desembarque após um agravamento no caso de furtos de cabos que afetaram o sistema de sinalização.

Veja abaixo o comunicado da SuperVia:

“Em função do agravamento dos furtos de cabos, que afetam nosso sistema de sinalização e colocam em risco a segurança da operação, o ramal Japeri e a extensão Paracambi encontram-se temporariamente suspensos. As estações do ramal/extensão estão fechadas para embarque e desembarque. Nossas equipes atuam para normalizar a operação.”

Já a Agetransp (Agência Reguladora de Serviços Públicos Concedidos de Transportes Aquaviários,Ferroviários e Metroviários e de Rodovias do Estado do Rio de Janeiro.) informou que monitora os impactos para a população e de ter sido acionado um plano de contingencia.

“A Agetransp monitora todos os impactos da suspensão do ramal Japeri e o acionamento do plano de contingência pela concessionária Supervia. Foi aberto um boletim de ocorrência para apurar os incidentes provocados pela interrupção do serviço.”  

Os problemas no trecho têm sido constantes.

No fim da tarde de 24 de agosto de 2021, as operações também tiveram de ser suspensas por causa de furto na fiação

https://diariodotransporte.com.br/2021/08/24/supervia-suspende-circulacao-no-ramal-japeri-e-na-extensao-paracambi-por-causa-de-furto-de-cabos-de-sinalizacao/

Willian Moreira em colaboração especial para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Assine

Receba notícias do site por e-mail

Comentários

Deixe uma resposta