Prefeitura de São Paulo prorroga por mais um ano contrato para corredor de ônibus e prolongamento da Avenida Carlos Caldeira Filho

Avenida Carlos Caldeira. Imagem Google Street View

Esta é a quinta prorrogação feita para realizar o projeto e executar as obras de prolongamento da Avenida da Estrada de Itapecerica até a Estrada M’boi Mirim  

ALEXANDRE PELEGI

A prefeitura de São Paulo prorrogou novamente o contrato com o Consórcio CG – JZ – Carlos Caldeira para realizar o projeto e executar as obras de prolongamento da Av. Carlos Caldeira Filho, da Estrada de Itapecerica até a Estrada M’boi Mirim.

As intervenções contemplam ainda a passagem inferior para ligação com a Estrada M’Boi Mirim, a elaboração de corredor de ônibus na Av. Carlos Caldeira Filho, dois viadutos sobre o futuro reservatório, reservatório de amortecimento de cheias, canalização do córrego Água dos Brancos (Capão Redondo) e sistema de microdrenagem.

O Consórcio CG – JZ – Carlos Caldeira é composto pela Compec Galasso Engenharia e Construções Ltda e JZ Engenharia e Comércio Ltda.

A prorrogação é por um ano. Esta é a quinta vez que o prazo é alterado.

A prorrogação anterior, feita também por 12 meses, havia estendido o prazo até a data de hoje, 13 de maio de 2021. Conforme publicado no Diário Oficial do Estado desta quinta-feira (13), a Secretaria de Infraestrutura Urbana e Obras da prefeitura de São Paulo autorizou a nova prorrogação.

O contrato inicial foi assinado em dezembro de 2015 e deveria ter sido cumprido em 36 meses, ou seja, as obras deveriam ter sido concluídas em dezembro de 2018.

O valor inicial era de R$ 179,3 milhões (R$ 179.324.091,18).

A obra é aguardada tanto para evitar enchentes no local como para melhorar a mobilidade urbana.

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

 

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta