Guarulhos (SP) restringe circulação de caminhões no Trevo de Bonsucesso, com prioridade para ônibus e carros

VUCs não estão incluídos na restrição. Foto: Divulgação.

A partir de 05 de abril, restrição fica em vigor de segunda a sexta-feira, das 6h às 9h e das 17h às 20h, e aos sábados das 7h às 12h

JESSICA MARQUES

A Prefeitura de Guarulhos, na Grande São Paulo, informou que vai restringir o tráfego de caminhões no Trevo de Bonsucesso, nos horários de pico. O objetivo é priorizar o tráfego de carros e ônibus, desafogando o fluxo intenso.

Assim, a partir de 05 de abril, a Prefeitura implementará a operação de restrição ao tráfego de caminhões, exceto aos veículos urbanos de carga (VUCs). A interdição aos caminhões será dará em dois horários: de segunda a sexta-feira, das 6h às 9h e das 17h às 20h, e aos sábados das 7h às 12h.

“Dessa forma, os passageiros de ônibus e os motoristas de carros de passeio não precisarão mais disputar o mesmo espaço físico com o tráfego pesado dos caminhões e terão sua vida no trânsito melhorada“, justificou a Prefeitura, em nota.

A administração municipal ressaltou ainda que o mesmo tipo de restrição já existe na cidade de São Paulo, especificamente nas marginais dos rios Tietê e Pinheiros, com o objetivo de facilitar a vida dos motoristas e passageiros do transporte coletivo que precisam chegar de forma mais rápida ao seu destino, principalmente os locais de trabalho.

“A medida se torna mais do que necessária pois, atualmente, o Trevo de Bonsucesso representa o maior gargalo de trânsito da cidade de Guarulhos. Nos últimos anos, a situação foi agravada em razão das restrições impostas pela atual concessionária, a CCR Nova Dutra, que fechou quase todas as saídas de acesso à rodovia“, justificou a Prefeitura.

Outro fator que compromete de forma definitiva o trânsito da região, segundo a administração, diz respeito também à alta densidade populacional (450 mil habitantes) dos bairros Jardim Presidente Dutra, Bonsucesso, Pimentas e Água Chata, além do tipo de atividade econômica desenvolvida, altamente dependente do modal rodoviário.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Antônio disse:

    Por ser a segunda cidade que mais arrecada precisa de mais pontes construidas prefeitura ruim a de guarulhos…

    1. Pedro disse:

      Nao reclame não, quem manda eleger o Guti

  2. Leandro disse:

    Ai fica dificil de trabalhar desse jeito nao basta a marginal que nois so pode entra depois da restricao agr o trevo tbm slk ajuda nois

  3. Pedro Gesser Alves disse:

    O dinheiro que veio para fazer esse retorno como deveria ,foi sugado (Roubado)por esses safados agora querem como sempre jogar a “culpa” para os caminhões , políticos safados,sem caráter e desumanos…..

  4. celio santos disse:

    O trevo de Bonsucesso é uma vergonha em termos de obra viaria, insuficientte para o volue de trafego desde mais de 10 ANOS atrás, uma imcopetencia atras da outra, nunca termina a obra,,, que vergonha.

  5. acocorten disse:

    Absurdo esse trevo que não funciona a mais de 10 ANOS, não é de agora esse problema, obra que foi planejada para dar problema, nunca vai funcionar pois foi projetada por algum empreiteiro interessado somente em receber propina,NUNCA atendeu nem atenderá a demanda da região, a Prefeitura de Guarulhos não finaliza a obra que está mais de 5 anos atrasada.

  6. Nicole Mendes disse:

    Isso é uma palhaçada como sempre quem se lasca éo caminhoneiro

  7. Donisete disse:

    Caminhao não tem prioridade p esses pilantra da política lixo esse muleke do guti deveria ser cassado, apesar dele não mandar em nada neh uma vez q quem manda e o martelo

  8. Gilvano dos Santos oliveira disse:

    enengracado so o caminhao e culpado ..caminhao nao sai da garagem estacionamento para andar a toa.camnhao ..abastece a cidade
    .so acho que guarulhos ta igual sao Paulo espulsando as empresas..parabens para quem teve essa ideia ridicula ..fizeram.uma obra sem vergonha sobra para os caminhoes
    .
    ..

  9. Jairo Massaki Caraça Ogi disse:

    Incompetência do poder público em termos de malha viária e engenharia de tráfego. A solução é o caminhão pagar o pato. Sempre haverá uma desculpa.
    Quero ver se as empresas envolvidas vão engolir essa, depois reclamam que empresas abandonam nosso município.

  10. Carlos Antônio de Oliveira disse:

    A CCR Nova Dutra não deveria interferir tanto em nosso município .quer aliviar o trânsito no trevo um pouco é só liberar uma entrada próximo ao jardim Fátima no sentido Rio São Paulo depois do restaurante Caipira onde estavam construindo uma unidade de pesagem de caminhão que pessoas que saísse da Nova Bonsucesso entraria na Dutra sem passar pelo trevo.

  11. islaineandradee@gmail.com disse:

    É rir para não chorar, como se caminhão fosse o maior causador de trânsito em Guarulhos, essa obra aí do (NÓ DO BONSUCESSO) vem se arrastando há anos o problema não é o caminhão, mas alguém tem que pagar o pato né, alguém tem que pagar o pato pela má administração pela obra superfaturada que nunca acaba muda de empreiteira muda de engenheiro mas terminar nunca! Agradeço a quem para quem que eu vou agradecer isso, porque o povo é trabalhador a gente quer trabalhar, mas como sempre né o Brasil o tal do país democrático que exerce a democracia tira o direito do trabalhador, tira o direito do Cidadão! já pararam para pensar que se o caminhão não entrar não circular vão contratar mais carro pequeno Sprinter Fiorino van HR Bongo e mais trânsito vai ter, muito obrigado o senhor Prefeito de Guarulhos! Ó sua administração tá sendo impecável.

  12. mauri disse:

    Esse é o maior erro de projeto rodoviário no Estado de São Paulo.
    E um absurdo o tamanho erro no dimensionamento do trevo.
    Tem que dar uma prensa em todos os envolvidos na execução e na concepção;
    Como pode levar quase uma década pra se construir um acesso sob a via?
    E a única obra de arte elevada do conjunto está inoperante.

    Só pra ser muito inocente para não entender o tamanho do problema;

    Enquanto Guarulhos leva dez anos pra fazer uma passagem sob a Dutra, cidades como Jundiai conseguem fazer
    tres acessos sob a Anhanguera e estão devidamente operacionais.

    Tá sobrando dinheiro em Guarulhos

  13. Pedro disse:

    Parem de reclamar, quem mandou eleger o Guti

  14. Bento disse:

    Isso não é um trevo, é um labirinto, pior que se você pegar uma alça errada, vai cair de cima, pois não esta finalizada, tem mais curva que a Serra do Rio do Rastro, moro a 31 anos em Guarulhos e ainda não me localizei nesse trevo pois todo dia tem uma instrução e uma curva diferente, agora é os guardas de transito deixando só uma faixa de acesso pra quem vem de sp é o fim dos tempos.

  15. Juvenil disse:

    O Pedro disse
    Foi 16 anos era petista e o que fizeram muitas proibições pra caminhões ainda permitiram fazer um viaduto após o trevo pra uma empresa particular
    Quem votou errado em quem
    Se nós sofremos não de hoje com esse retorno

Deixe uma resposta