SPTrans detalha alterações em postos de atendimento durante fase emergencial do Plano São Paulo

Postos de atendimento aos usuários Comum, Vale-Transporte, Estudante e Professor localizados nos terminais de ônibus e estações de transferência funcionarão de segunda a segunda-feira, das 6h às 19h. Foto: Divulgação.

Ônibus municipais da capital paulista vão operar na madrugada, mesmo com toque de recolher

JESSICA MARQUES

A Prefeitura de São Paulo, por meio da SPTrans, detalhou as alterações nos postos de atendimento do Bilhete Único durante a fase emergencial do Plano São Paulo determinado pelo Governo do Estado.

Segundo a SPTrans, o Posto Central de Atendimento continuará fechado durante o período. Já os postos de atendimento aos usuários Comum, Vale-Transporte, Estudante e Professor localizados nos terminais de ônibus e estações de transferência funcionarão de segunda a segunda-feira, das 6h às 19h.

Ainda de acordo com a SPTrans, mesmo nos horários em que os postos estiverem fechados, a compra de créditos para o Bilhete Único pode ser feita via aplicativo, máquinas de autoatendimento, rede credenciada, Lotéricas e Banco do Brasil.

O Posto Jabaquara, localizado na estação do Metrô, continuará funcionando no horário, das 7h às 17h, de segunda a sexta-feira, enquanto os postos Santana e Augusta seguem funcionando de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

Os locais que realizam atendimento específico sobre o benefício de gratuidades a Idosos, Pessoas com Deficiência, Gestantes e Obesos, localizados nas subprefeituras e unidades do Descomplica SP, permanecerão fechados.

“Em virtude dos fechamentos, os canais digitais de atendimento da SPTrans, como o site (www.sptrans.com.br/atendimento), chat do site e do Facebook, SP156 e e-mails de atendimento da Loja Virtual e Apoio Escolar, terão suas equipes ampliadas para garantir a qualidade no serviço prestado de forma online”, garantiu a SPTrans, em nota.

ÔNIBUS

Mesmo com o toque de recolher previsto na fase emergencial anunciada pelo governador João Doria, os ônibus municipais da rede noturna da capital paulista vão operar normalmente.

Relembre:

Ônibus do sistema SPTrans vão operar na madrugada mesmo no toque de recolher da fase emergencial

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta