Pedindo volta de cobradores e pagamento de atrasados, rodoviários de Aracajú (SE) fazem manifestação no centro

Passageiros dizem ter sido pegos de surpresa

Ônibus foram estacionados nas vias e tiveram os pneus esvaziados ou cortados

ADAMO BAZANI

Rodoviários iniciaram na manhã desta sexta-feira, 19 de fevereiro de 2021, uma manifestação na região central de Aracaju.

Além de se concentrar e fazer passeatas, o grupo estacionou os ônibus em vias de grande movimentação como Avenida Barão de Maruim e Avenida Roosevelt Dantas.

Uma parte dos coletivos teve os pneus esvaziados ou mesmo rasgados.

Os profissionais pedem a volta dos cobradores de ônibus e pagamentos de salários e benefícios em atraso.

Os cobradores foram desligados logo no início da pandemia de covid-19 entre março e abril de 2020.

As viações alegam estar com dificuldades financeiras em razão da queda do número de passageiros por causa do vírus.

O Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários de Aracaju (Sinttra) e o Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros da capital (Setransp) se reúnem para tentar resolver o impasse.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Maria Eduarda disse:

    Que surpresa que nada, além de dirigir os motoristas tem que passar troco, se acontecesse um acidente a septransp iria dizer quê foi negligência do colaborador, fora a insalubridade por conta da pandemia, o certo é sim ter uma pessoa auxiliando os motoristas, e fora que a empresa já queria desligar os cobradores, veio a pandemia e deu brecha para eles…

    Tô com todos os Motorustas, o cu deles que diminuiu o uso do transporte público, já se faz 1 ano de pandemia o mundo tem que voltar a funcionar …

  2. Cristiane disse:

    Para uns ganhar outros têm que perder,infelizmente,este é necessário a classe sofre dia após dia é nós usuários também.

Deixe uma resposta