Trabalhadores da Viação Santa Cecília, em Fortaleza, cruzam os braços nesta segunda (11)

Ônibus da Santa Cecília

Operações voltaram ao normal ainda na manhã depois de acordo. Funcionários reclamaram de atrasos em pagamentos

ADAMO BAZANI

Passageiros que dependem das linhas da Viação Santa Cecília, em Fortaleza, encontraram dificuldades no início da manhã desta segunda-feira, 11 de janeiro de 2021.

Os funcionários cruzaram os braços alegando que a empresa atrasou o pagamento da quinzena, vale-refeição e da cesta de alimentação,  segundo o Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários do Estado do Ceará (Sintro).

Apenas depois das 8h, com um acordo firmado entre empresa e trabalhadores, os 120 ônibus da viação começaram a deixar a garagem.

A companhia atende linhas que servem os terminas da Lagoa, do Papicu e Antônio Bezerra.

Em nota, Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Ceará (Sindiônibus) disse que as companhias sempre honraram os compromissos trabalhistas, mas que registram prejuízos por causa da  “crise causada pela diminuição da circulação de passageiros devido à pandemia”

GREVES E PARALISAÇÕES.

Justamente sob a alegação das empresas sobre dificuldades financeiras por cauda da pandemia, diversos sistemas do País registraram paralisações ou greve nesta segunda-feira, 11 de janeiro de 2021.

Trabalhadores da empresa Autotrans que atua no transporte coletivo da cidade mineira de Uberlândia iniciaram uma greve na madrugada.

O motivo é a reivindicação pelos colaboradores para que seja efetuado o pagamento do salário referente ao mês de dezembro de 2020.

Relembre:

https://diariodotransporte.com.br/2021/01/11/transporte-coletivo-de-uberlandia-mg-tem-paralisacao-parcial-nesta-segunda-11/

Em Teresina, Tfoi iniciada na manhã desta segunda-feira, 11 de janeiro de 2021, afetando linhas em toda a cidade.

O motivo da greve, que envolve motoristas e cobradores do Consórcio Theresina, é o não pagamento dos salários em sua forma integral, além do reajuste salarial de 2019, que não foi efetuado.

Relembre:

https://diariodotransporte.com.br/2021/01/11/trabalhadores-do-transporte-coletivo-em-teresina-pi-entram-em-greve/

Em Guaíba, Região Metropolitana de Porto Alegre, os ônibus da Expresso Assur não saíram às ruas na manhã desta segunda-feira, 11 de janeiro de 2021.

Os trabalhadores da empresa fizeram um protesto em frente à garagem logo pela manhã, impedindo a saída dos coletivos.

Eles reclamam do atraso no pagamento dos salários e do não pagamento do 13º.

Relembre:

https://diariodotransporte.com.br/2021/01/11/rodoviarios-da-assur-paralisam-atividades-em-guaiba-rs-na-manha-desta-segunda-11/

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta