Viação Águia Branca passa a vender passagens de ônibus com pagamento pelo PIX e Pic Pay

Empresa serve linha interestaduais

Serviço está disponível em todas as 350 agências da empresa credenciadas no Brasil

ADAMO BAZANI

A Viação Águia Branca informou que passa a oferecer aos passageiros, a partir desta sexta-feira, 11 de dezembro de 2020, a possibilidade de pagamento das passagens por meio do sistema PIX. Também há opção do Pic Pay.

As novas opções já estão nas mais de 350 agências da empresa de ônibus credenciadas no Brasil.

A Viação Águia Branca diz que é a primeira empresa do setor a disponibilizar esta nova modalidade de pagamento

O sistema de pagamentos instantâneos PIX foi criado pelo Banco Central e lançado há cerca de um mês. Uma pesquisa divulgada pelo Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística (Ibope) aponta que o modelo está entre os preferidos dos brasileiros.

Na primeira semana de uso, mais de 50% dos entrevistados declararam dar preferência ao PIX para o pagamento de produtos e serviços em vez do uso de cartões de débito e crédito.

Em nota, o diretor Comercial da Viação Águia Branca, Thiago Chieppe Juffo, disse que o sistema oferece segurança nas transações.

“Tomamos a dianteira na disponibilização de pagamentos digitais com o PIX pensando em proporcionar a melhor experiência de compra para o cliente, oferendo praticidade e segurança aos nossos passageiros. Com o PIX, o pagamento é feito sem a necessidade de exposição dos dados bancários e cartões dos clientes, sendo todas as transações realizadas de forma instantânea e criptografada. É uma tendência que veio para ficar”, afirmou

Multiplataforma

A empresa também afirmou que oferece a possibilidade para compra de passagens por meio de seu site (aguiabranca.com.br) com pagamento via cartão de crédito e débito e pelo Disque Passagem (27 4004-1010) com cartão de crédito.

Pelo cartão de crédito, os valores das passagens podem ser parcelados.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

Deixe uma resposta