Consórcio Transfácil testa ônibus sob demanda por aplicativo em Belo Horizonte (MG)

Moradores de parte das regionais Norte, Nordeste e Pampulha podem participar dos testes até 11 de dezembro. Foto: Divulgação.

Veículos realizam transporte partindo da Estação São Gabriel

JESSICA MARQUES

O Transfácil (Consórcio Operacional do Transporte Coletivo de Passageiros por ônibus de Belo Horizonte) está realizando testes com ônibus sob demanda por aplicativo em Belo Horizonte, Minas Gerais.

Os veículos estão partindo da Estação São Gabriel. Os moradores de parte das regionais Norte, Nordeste e Pampulha podem participar dos testes até 11 de dezembro de 2020.

O serviço funciona de segunda à sexta, das 6h às 20h. O passageiro precisa instalar no celular o aplicativo Shotl, disponível na Google Play e App Store. Em seguida, é preciso fazer um cadastro seguindo as instruções da tela. Confirmado o cadastro, é apresentado um mapa de localização com a área de cobertura dos testes, para o passageiro escolher o local de embarque e destino.

Após solicitar a viagem, o motorista do coletivo é avisado em um tablet fixado no painel. Após a confirmação, basta o passageiro aguardar no local indicado no aplicativo, que também informa tempo de espera e se haverá necessidade de um pequeno deslocamento, que pode chegar a até 200 metros de onde a pessoa estiver. Dentro da área de cobertura, há pontos de embarque e desembarque em supermercados, drogarias, escolas, centros de saúde, entre outros.

O preço da passagem é o mesmo do serviço convencional, R$ 3,15, pode ser pago em dinheiro ou com o cartão BHBUs.

Confira abaixo o mapa de abrangência:

O aplicativo é similar a outros com mapas de trânsito já em operação no mercado. Iniciativa faz parte do MOVX, programa de inovação criado pelo Transfácil com o objetivo de trazer soluções em mobilidade e conforto para o Sistema de Transporte Coletivo de Belo Horizonte.

Relembre:

Programa vai captar projetos de startups para melhorar transporte coletivo na Região Metropolitana de Belo Horizonte

 

Um modelo semelhante de transporte sob demanda está em vigor em São Bernardo do Campo, no ABC Paulista.

Relembre:

ÁUDIO: São Bernardo do Campo (SP) passa a ter vans de aplicativo no transporte coletivo por empresa de ônibus

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta