Transporte intermunicipal na região de São Roque está em greve mesmo com nova empresa de ônibus

Sindicalistas não permitiram operação

Sindicato que representa a categoria impediu que a Danúbio Azul assumisse as operações até que a empresa converse com a entidade

WILLIAN MOREIRA

Esperada para iniciar as operações integralmente de linhas do transporte intermunicipal suburbano em São Roque, no interior paulista, nesta quinta-feira, 19 de novembro de 2020, a empresa Danúbio Azul não pode colocar todos os veículos em circulação, ficando assim a população sem atendimento.

Uma greve organizada pelo Sindicato dos Rodoviários de Sorocaba e Região, representantes dos trabalhadores do transporte na cidade, impediu a saída dos ônibus da garagem por tempo indeterminado.

Em nota divulgada em suas redes sociais, o sindicato alega que a Danúbio Azul não procurou a organização para conversar e assinar a convenção coletiva de trabalho e não fez a contratação de funcionários da Viação Piracicabana que atuava antes na operação das linhas do transporte intermunicipal, ligando São Roque a outras cidades da região.

Os sindicalistas completam em nota que não aceitam o fato de 73 trabalhadores ficarem sem os seus empregos na transição das empresas atuantes e desta forma, as linhas intermunicipais seguirão sem operação até que seja feita uma negociação.

Portanto, moradores dos municípios de Itapevi, Cotia, Pirapora do Bom Jesus e Araçariguama seguem sem conexão com São Roque, assim como o transporte entre Araçariguama a Itapevi.

Veja abaixo a nota do sindicato divulgada para a imprensa.

“Os trabalhadores no transporte intermunicipal de São Roque estão em luta em defesa de seus empregos e direitos na troca de empresas promovida pela Artesp.

A empresa Danúbio Azul assumiu, em caráter emergencial, as linhas do transporte intermunicipal que eram operadas pela Viação Piracicabana, porém não dialogou com o Sindicato dos Rodoviários de Sorocaba e Região para assinar a convenção coletiva de trabalho e não contratou os trabalhadores da Piracicabana.

Por esses motivos, a Danúbio Azul não está operando na manhã desta quinta-feira (19) e o Sindicato aguarda um contato da empresa para resolver as questões trabalhistas. Sindicato não aceita que 73 trabalhadores fiquem desempregados nessa transição.

Enquanto isso não acontece, as linhas intermunicipais entre o município de São Roque e as cidades de Itapevi, Cotia, Araçariguama e Pirapora do Bom Jesus; e o município de Araçariguama a Itapevi não estarão em operação.”

GREVE ULTRAPASSOU QUINZE DIAS E A PIRACICABANA DEIXOU DE OPERAR O SERVIÇO

Desde 03 de novembro, os trabalhadores estão em greve, operando apenas 30% da frota, causando reflexos no atendimento de passageiros que usam os coletivos.

A Piracicabana atende além de São Roque, Itapevi, Cotia, Araçariguama e Pirapora do Bom Jesus com os ônibus do transporte intermunicipal.

Relembre: https://diariodotransporte.com.br/2020/11/05/greve-dos-rodoviarios-da-piracicabana-em-sao-roque-sp-chega-ao-terceiro-dia/

APÓS A SAÍDA DA EMPRESA, ARTESP INTERVEIO

A Artesp, agência que regula os transportes no Estado de São Paulo, confirmou por meio de nota oficial ao Diário do Transporte na quarta-feira, 18 de novembro de 2020, que a operação da Danúbio Azul em lugar da Viação Piracicabana nas linhas suburbanas de São Roque e região, no interior paulista, será temporária e emergencial.

A nota não especifica por quanto tempo a Danúbio ficará na operação.

“A ARTESP informa que requisitou à Viação Danúbio Azul Ltda, em caráter excepcional, a operação das linhas São Roque/Itapevi; São Roque/Cotia; São Roque/Vargem Grande Paulista; São Roque/Itapevi e São Roque/Pirapora do Bom Jesus, baseada no artigo 136 do Regulamento de Serviço Intermunicipal de Transporte Coletivo de Passageiros, aprovado pelo Decreto nº 29.913/89. A operação emergencial e temporária começa a partir de hoje. A paralisação dos serviços ocorreu por conta do movimento grevista liderado pelo sindicato local da categoria, que impede a Viação Piracicabana S.A. de operar as linhas normalmente, embora haja liminar determinando o retorno imediato dos trabalhadores.”

Relembre: https://diariodotransporte.com.br/2020/11/18/artesp-confirma-oficialmente-danubio-azul-em-operacao-emergencial-no-lugar-da-piracicabana-nos-suburbanos-de-sao-roque-e-regicao/

Ainda na manhã da quinta-feira (19), o Sindicato se reuniu com motoristas e cobradores no terminal de ônibus do município para uma assembleia na qual foram explicadas as estratégias e ações do órgão para a situação.

Willian Moreira em colaboração especial para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Renato Carlos Pavanelli disse:

    Transporte intermunicipal na região de São Roque está em greve mesmo com nova empresa de ônibus. – – – Sindicato que representa a categoria impediu que a Danúbio Azul assumisse as operações até que a empresa converse com a entidade.
    = = = = = = = = = = = = = = =
    Pela Maneira Radical de Poucos, Lamentavelmente em dados momentos como esse, o ou os Sindicatos Somente Entendem Uma Linguagem, ou seja, Encerrem os serviços, Fechem a Operação, Feche a Empresa e em Consequência Disso Todos os Trabalhadores Perdem Seus Empregos. Quem Perde? São os Funcionários que Ficarão a Ver Navios, é esse o Fim, Lamentável.

  2. Leticia disse:

    É uma falta de respeito com o trabalhador.

  3. Watson Souza disse:

    Uma palhaçada isso

  4. Paulo disse:

    Como fica as pessoas que depende de serviço? Perde seus empregos? Ou vocês querem que van clandestina entre na região? Tá no hora de colocar empresas transparentes e competentes para atuar na região, somos um cidade turística, bela por natureza,mas estamos sofrendo com serviços básicos.

  5. Amaro disse:

    Uma falta de respeito com as pessoas e os trabalhadores que dependem do transporte.

Deixe uma resposta