Artesp confirma oficialmente Danúbio Azul em operação emergencial no lugar da Piracicabana nos suburbanos de São Roque e região

Ônibus suburbano da Piracicabana

Constantes greve e desinteresse pelas linhas marcaram últimos dias da antiga operadora

ADAMO BAZANI/WILLIAN MOREIRA

A Artesp, agência que regula os transportes no Estado de São Paulo, confirmou por meio de nota oficial ao Diário do Transporte no início da tarde desta quarta-feira, 18 de novembro de 2020, que a operação da Danúbio Azul no lugar da Viação Piracicabana nas linhas suburbanas de São Roque e região, no interior paulista, é temporária e emergencial.

A nota não especifica por quanto tempo a Danúbio ficará na operação.

“A ARTESP informa que requisitou à Viação Danúbio Azul Ltda, em caráter excepcional, a operação das linhas São Roque/Itapevi; São Roque/Cotia; São Roque/Vargem Grande Paulista; São Roque/Itapevi e São Roque/Pirapora do Bom Jesus, baseada no artigo 136 do Regulamento de Serviço Intermunicipal de Transporte Coletivo de Passageiros, aprovado pelo Decreto nº 29.913/89. A operação emergencial e temporária começa a partir de hoje. A paralisação dos serviços ocorreu por conta do movimento grevista liderado pelo sindicato local da categoria, que impede a Viação Piracicabana S.A. de operar as linhas normalmente, embora haja liminar determinando o retorno imediato dos trabalhadores.”

Durante a madrugada desta quarta-feira, 18 de novembro de 2020, a Viação Piracicabana retirou da garagem na cidade de São Roque, no interior paulista, os ônibus utilizados no transporte coletivo suburbano gerenciado pela Artesp.

Segundo os trabalhadores que estão em greve, ao chegarem à garagem não havia mais veículos no local.

Por meio de nota ao Diário do Transporte na tarde desta quarta-feira (18) informou que assumiu as linhas suburbanas na região em 2012, mas que não pode continuar operando por causa da manutenção da greve, mesmo com determinação judicial para o retorno aos trabalhos.

A Viação Piracicabana passou a operar emergencialmente as linhas na região de São Roque em 2012, ocasião em que, por processo da ARTESP, assumiu serviços que estavam com atendimento precário, trazendo normalidade à operação. Durante esse período, sempre prevaleceu o bom-senso e o respeito nas relações com o sindicato local. No entanto, recentemente, um movimento de greve perdurou por vários dias, limitando enormemente a operação, mesmo com decisão judicial obtida pela Empresa que determinou o encerramento da paralização. Desse modo, entendemos que não houve alternativa para a ARTESP senão garantir mobilidade à população local, convocando operação por outra empresa permissionária.

A empresa Bragança que também atua no transporte coletivo vai assumir as linhas entre as cidades de São Roque, Itapevi, Cotia, Araçariguama e Pirapora do Bom Jesus; e entre o município de Araçariguama a Itapevi, em São Paulo.

GREVE CHEGOU AO 15° DIA

Desde 03 de novembro, os trabalhadores estão em greve, operando apenas 30% da frota, causando reflexos no atendimento de passageiros que usam os coletivos.

A Piracicabana atende além de São Roque, Itapevi, Cotia, Araçariguama e Pirapora do Bom Jesus com os ônibus do transporte intermunicipal.

Relembre: https://diariodotransporte.com.br/2020/11/05/greve-dos-rodoviarios-da-piracicabana-em-sao-roque-sp-chega-ao-terceiro-dia/

DESINTERESSE PELAS LINHAS

Diário do Transporte noticiou que a Piracicabana mostrou desinteresse pelas linhas em 18 de dezembro de 2019.

Relembre:

https://diariodotransporte.com.br/2019/12/18/piracicabana-quer-deixar-de-operar-linhas-suburbanas-de-onibus-a-partir-de-sao-roque-para-a-regiao-de-osasco/

No dia 29 de janeiro de 2020, a Artesp abriu chamamento público para outras empresas operarem as linhas São Roque/Itapevi, São Roque/Osasco, São Roque/Vargem Grande Paulista e São Roque/Pirapora do Bom Jesus.

Relembre:

https://diariodotransporte.com.br/2020/01/29/artesp-abre-chamada-para-empresas-interessadas-em-mais-linhas-que-a-piracicabana-nao-quer-mais-em-servico-suburbano/

Adamo Bazani jornalista especializado em transportes

Willian Moreira em colaboração especial para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. William Santos disse:

    A Piracicabana perdeu o interesse, e pelo jeito nenhuma outra empresa se interessou. Para chegar a esse ponto, talvez seja o caso de rever essas linhas

    1. Richard disse:

      A Danúbio Azul foi a única q demonstrou interesse nas linhas. Essa greve até parece montada pra justificar a troca das empresas.

  2. Carlos Gabriel Soares Sousa disse:

    Alguém já sabe o início das operações da Danúbio nas linhas?

    1. Dênis disse:

      Eu vi um Bragança passando pelo CIS Itapevi na manhã de quarta, tinha poucas pessoas, agora é ver se a tabela será boa como era com a Piracicabana. As linhas da EMTU e municipais da Renê estão com péssimas tabelas, logo precisamos que a 9594, pelo menos, funcione a contento.

  3. Eduardo disse:

    Essas linhas operadas pela Danúbio Azul vão aceitar cartão BOM? Como acontece nas suburbanas para Ibiúna e Piedade.

    1. Douglas disse:

      Usei agora pouco e percebi o seguinte: os horários ainda não estão afixados, mas a Danúbio – ao menos na 9594- está mandando em comboio um carro (no meu caso foi o 8007 da Bragança) para aceitar dinheiro e outro pros passageiros com BOM (embarquei no 068 Danubio se não me engano), mas o povo ainda está receoso e não estão embarcando muitos.

  4. Antonio disse:

    gostaria de saber dos Horários dos Ônibus da Danúbio de COTIA PRA SÃO ROQUE

  5. Wellington disse:

    Cadê os horários dos ônibus são roque x cotia

Deixe uma resposta