Suzantur anuncia a compra de 72 ônibus zero quilômetro

Ônibus seminovo para início das operações em Diadema. Veículos 0 km devem ser colcoados no sistema nos próximos meses. Foto: Divulgação Suzantur / Texto: Adamo Bazani

Veículos serão para as operações em Santo André, Mauá e Diadema. Em Santo André, novos articulados terão pacote BioSafe da Marcopolo contra a Covid-19

ADAMO BAZANI

O proprietário da empresa Suzantur, Claudinei Brogliato, anunciou na manhã desta quinta-feira, 13 de agosto de 2020, que a companhia comprou 72 ônibus zero quilômetro.

Os veículos serão distribuídos nas operações de Mauá, onde a empresa atua em todas as linhas municipais; de Santo André para as linhas do sistema tronco-alimentado de Vila Luzita; e de Diadema; cujas linhas hoje da Benfica serão transferidas para a Suzantur a partir de sábado, 15 (veja mais abaixo). Todas as cidades pertencem ao ABC Paulista, na Grande São Paulo.

As declarações foram dadas em entrevista para o programa Bom Dia ABC, da Rádio ABC, apresentado por Vitor Neto, com produção de Janete Ogawa. A entrevista teve participação no ar do Diário do Transporte.

Dois destes 72 veículos já devem chegar à garagem da Suzantur na próxima semana. Serão ônibus articulados para a linha tronco do sistema de Vila Luzita, em Santo André. Os ônibus são de carroceria Marcopolo Viale com chassis Volvo B340M e vão contar com itens do pacote de segurança contra a Covid-19 denominado Marcopolo BioSafe. Entre os produtos estão sistema de tratamento do ar-condicionado e divisórias transparentes internas para proteger motoristas, cobradores e passageiros principalmente de gotículas, consideradas as principais formas de contaminação pelo novo coronavírus.

Os outros 70 ônibus ainda serão encarroçados.

Segundo Claudinei Brogliato, os chassis devem chegar ainda à unidade da Marcopolo em São Mateus, no Espírito Santo, que produz modelos urbanos.

Deste total, 20 unidades serão encaroçadas sobre chassis Mercedes-Benz OF-1721L, motor dianteiro com suspensão ar; a carroceria é Marcopolo Torino. As outras unidades são de chassis Mercedes-Benz OF 1519 também com carroceria Marcopolo, mas de dimensões menores que o OF-1721L.

O tempo médio de produção dos veículos é entre dois e três meses, assim, até o fim do ano as primeiras unidades devem estar prontas, se não houver atrasos na fabricação.

Para as operações de São Carlos, no interior de São Paulo, devem chegar novos ônibus em outro pacote de compras.

DIADEMA

Brogliato também falou sobre o início das operações da empresa em Diadema, que vai ocorrer neste sábado, 15 de agosto de 2020, como havia informado o Diário do Transporte.

A Suzantur assume as oito linhas operadas pela Benfica.

Segundo Brogliato, ainda faltam seis anos para o contrato vencer, mas pode haver renovação por mais cinco anos, totalizando assim, 11 anos de operações remanescentes.

O empresário afirmou que o passageiro não precisa se preocupar quanto aos créditos de transporte. O Cartão SOU+ Diadema será aceito normalmente nos ônibus da Suzantur.

Assim, não será necessário trocar de cartão e os créditos valerão normalmente.

Os passageiros devem estar atentos às cores dos ônibus, que serão diferentes da atual da cidade. Neste início de operação, os ônibus vão ter as mesmas cores que a Suzantur opera em Santo André, Mauá e São Carlos: vermelho, prata, azul e branco.

Os veículos são fabricados entre os anos 2015 e 2020, segundo Brogliato.

Até o mês que vem todos os ônibus devem ter wi-fi e alguns destes veículos, mais novos que os atuais da Benfica, possuem carregadores USB para celulares.

O empresário disse também que 80% da mão de obra da Benfica, em especial das áreas operacionais, serão contratadas pela Suzantur.  Foi envolvido na negociação o uso da garagem atual da Benfica.

As linhas que vão ser assumidas são:

21DP (terminal Diadema/Piraporinha), 24DP (terminal Diadema/Piraporinha), 30ED (Terminal Eldorado/Terminal Diadema), 31D (terminal Diadema), 32D (terminal Diadema), 32ED (Terminal Eldorado/Terminal Diadema), 33ED (Terminal Eldorado/Terminal Diadema) e 34ED (Terminal Eldorado/Terminal Diadema) .

As demais linhas continuam sendo operadas pela MobiBrasil.

Como mostrou o Diário do Transporte em 27 de junho de 2020, a Suzantur deve assumir o lote de oito linhas hoje operado pela empresa Benfica.

Na ocasião, o proprietário da Suzantur, Claudinei Brogliato, disse ao Diário do Transporte que foi firmado um contrato de compra e venda entre as duas companhias de transporte.

Relembre:

https://diariodotransporte.com.br/2020/06/29/exclusivo-suzantur-confirma-oficialmente-contrato-de-compra-e-venda-com-a-benfica-para-operar-em-diadema/

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. João Luiz disse:

    Estranho a suzantur operar como emergencial em santo André e estruturando toda a Frota com carros 0km!, Ou seja o poder público e conivente com a situação e não faz força alguma para regularizar está situação !!

  2. Rivelino disse:

    O que temos que ter em Diadema e o horários pontuais de ônibus que possa atender o trabalhador porque os horários de hoje e um lixo

  3. valdir Antônio horacio disse:

    João Luiz veja consórcio união santo andre tem contrato mais não investe nada é melhor assim suzantur santo andre investe sem contrato .você vai ver 2023 condo acaba contato consórcio união santo andre suzantur vai vim com tudo ele tem dinheiro banco sr ronam Maria pintor foram do palio muito tempo eu vejo linha t29 50 mim povo esperando passar 10 101tr nada ônibus Paulo serra vai passar pena neste consórcio união santo andre deixar acaba eleição

  4. valdir Antônio horacio disse:

    João Luiz veja consórcio união santo andre está com contrato mais não investe nada suzantur santo andre sem contrato investe você vai ver condo acaba contrato consórcio união santo andre 2023 suzantur vai vim com tudo ronam Maria pintor dono diário do grande está falindo muito tempo não crédito para nada condo acaba eleição Paulo serra vai chunta bande linha t29 50 mim para passar ônibus passar 10 101tr nada ônibus

Deixe uma resposta