Novos ônibus Scania para Express, empresa da capital paulista, devem ser encarroçados até julho

Empresa adquiriu 20 ônibus Scania 0 km em 2019. Foto: Divulgação / Express.

Informação foi divulgada ao Diário do Transporte pelo gerente de Vendas de Ônibus da Scania no Brasil, Fábio D´Angelo

JESSICA MARQUES

A Scania vai entregar os 11 chassis comprados pela Express Transportes Urbanos, que opera na área quatro da concessão de São Paulo, até julho para a encarroçadora Caio. A informação foi divulgada ao Diário do Transporte pelo gerente de Vendas de Ônibus da Scania no Brasil, Fábio D´Angelo.

Inicialmente, os ônibus estavam previstos para serem entregues até abril deste ano. Contudo, a pandemia do novo coronavírus ocasionou atrasos por conta do fechamento das montadoras em todo o país, por questões de segurança dos funcionários e para preparação de protocolos de segurança.

Os novos ônibus, quando entregues, vão operar na Zona Leste da capital paulista. Todos os veículos são do modelo articulado K310 6×2/2, de 18 metros e piso baixo, fabricados pela Scania.

“Alguns detalhes de contrato estão sendo acertados com a SPTrans e o cliente. Deve ser feita a entrega dos chassis para o encarroçador no mais tardar mês que vem”, afirmou o gerente de Vendas de Ônibus da Scania.

“Apesar de a Scania ter um portfólio restrito para urbano, a Express é um cliente tradicional. Há operações recorrentes com a empresa, inicialmente com o chassi 4×2, fizemos duas operações consecutivas com a empresa. A experiência com a marca levou a empresa a conhecer a parte de qualidade e consumo de combustível”, comentou também Fábio.

COMPRA

A compra dos ônibus foi feita no fim de 2019. O encarroçamento seria feito no final de maio, caso a pandemia de Covid-19 não tivesse afetado as operações industriais.

“Se não fosse a pandemia, os carros já estariam no sistema. O momento da entrega coincidiu com o início da crise. Estava previsto para abril, que foi quando paralisou tudo, e o período de encarroçamento seria no final de maio”, afirmou também o executivo.

A compra faz parte da renovação da frota da empresa Express Transportes Urbanos, que também adquiriu veículos de outras marcas em 2019.

Relembre: https://diariodotransporte.com.br/2019/12/28/express-compra-82-onibus-zero-quilometro-para-a-zona-leste-da-capital-paulista/

Os ônibus vão seguir as configurações exigidas pela gerenciadora do sistema da capital paulista, a SPTrans, como piso baixo, motor traseiro, ar-condicionado e suspensão pneumática.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Luciana disse:

    Só não pagam o vr e as horas extra dos funcionários

  2. Paulo Gil disse:

    Amigos, bom dia.

    Parabéns pela aquisição!

    Mas, cabe aqui uma pergunta para reflexão de todos.

    Cadê a tão chorada crise secular do buzão de Sampa?

    Se até com chassi Scania dá lucro.

    Ou alguém duvida?

    SAÚDE A TODOS !

    Att,

    Paulo Gil

Deixe uma resposta