Coronavírus: São Caetano do Sul bloqueia vias do centro e Santo André lacra praça

Em São Caetano do Sul, bloqueios já estão em vigor. Foto: Ricardo Quiles / GCM / PMSCS.

Objetivo é garantir que população mantenha-se em casa, respeitando a quarentena decretada pelo Governo do Estado

JESSICA MARQUES

As cidades do ABC Paulista começaram a tomar medidas mais drásticas para garantir que a população mantenha-se em casa, respeitando a quarentena decretada pelo Governo do Estado por conta da Covid-19.

Assim, a Prefeitura de Santo André decidiu lacrar a Praça Kennedy, na Vila Bastos, a partir desta sexta-feira, 10 de abril de 2020. A medida é válida até o dia 22.

Segundo informações do Executivo, a decisão foi tomada após 140 denúncias de lotação. Outras praças também podem ser fechadas mediante reincidência de aglomerações.

“Não gostaríamos de tomar essa decisão, mas algumas pessoas não se conscientizaram da importância do isolamento social. Não tenho nenhum prazer em fazer isso, mas foi necessário”, afirmou o prefeito Paulo Serra, por meio das redes sociais.

Por sua vez, São Caetano do Sul anunciou que está realizando bloqueios nas entradas e saídas da cidade. A medida é realizada sobretudo neste feriado de Páscoa, por conta das restrições de saúde recomendadas pela Secretaria Estadual de Saúde.

Os bloqueios em São Caetano do Sul já estão sendo feitos por intermédio da GCM (Guarda Civil Municipal) e da Semob (Secretaria de Mobilidade Urbana). Desta forma, a GCM utilizará cones, cavaletes adesivados, e viaturas com dois guardas cada, posicionadas em locais estratégicos.

As vias estão fechadas nos bairros Barcelona, Mauá (Base de Segurança), Fundação (Viaduto Independência) e Centro. Além disso, segundo a Prefeitura, também há bloqueio para veículos no quadrilátero que abrange as ruas Amazonas, Serafim Constantino, Manoel Coelho e Avenida Goiás (interdição das ruas Santa Catarina, João Pessoa, Pará, Rio Grande do Sul, Baraldi, Carlos de Campos, Niterói, Goitacazes e Avenida Conde Francisco Matarazzo); da Rua Visconde de Inhaúma (da Rua Ingá até a Rua Nelly Pellegrino), e da Rua Taipas (da Rua Oriente até a Rua Joana Angélica).

Ainda de acordo com a Prefeitura, o bloqueio iniciou-se nesta quarta-feira, 08 de abril de 2020, e deverá continuar até o dia 22, data que o Governo do Estado deu para a continuidade da quarentena.

“A cidade de São Caetano, o Estado de São Paulo, Brasil e o mundo vivem uma situação que não tínhamos vivenciado até então, com o aparecimento de um vírus de alta letalidade principalmente para cidadãos da Terceira Idade e aqueles que têm comorbidades patogênicas. Por isso e pela segurança e saúde dos sulsancaetanenses, o bloqueio se justifica. Neste momento é imprescindível que as pessoas mantenham o isolamento social”, afirmou o prefeito José Auricchio Júnior.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

Deixe uma resposta