CityBus 2.0, de Goiânia, passa a oferecer dois tipos de embarque aos passageiros

Publicado em: 27 de novembro de 2019

Mudança já está em vigor para os clientes

JESSICA MARQUES

Os passageiros do CityBus 2.0, transporte sob demanda de Goiânia, agora contam com duas opções de veículos e tempos de embarque diferentes. Agora, o cliente pode escolher qual viagem deseja selecionar, de acordo com o ponto de embarque e tempo estimado, segundo a HP Transportes, empresa responsável pela operação do serviço.

Contudo, nem todas as viagens aparecem com duas opções de tempo de espera, somente aquelas que possuírem duas vans próximas ao passageiro e se locomovendo para destinos semelhantes, segundo informações do CityBus.

As opções aparecem no aplicativo conforme demonstrado na imagem abaixo:

“Nós percebemos que vários clientes têm se planejado para realizar viagens com o CityBus 2.0 e, por isso, oferecemos mais esse recurso para melhorar essa experiência”, afirma Hugo Santana, Diretor de Transportes da HP.

O CityBus já registra mais de 60 mil clientes cadastrados nas plataformas iOS e Android. Recentemente, CityBus 2.0 chegou à sua terceira expansão, passando a atender os bairros Vila Alpes e Vila Bela, ambos localizados na Região Sudoeste da Capital. Com isso, mais de 50 bairros estão sendo atendidos ao todo pelo CityBus 2.0, em um perímetro de aproximadamente 43 quilômetros e com 40 vans.

Relembre: https://diariodotransporte.com.br/2019/07/10/citybus-2-0-expande-servico-para-mais-13-bairros-de-goiania/

Sobre o CityBus 2.0

O CityBus 2.0 opera com vans com ar-condicionado, carregadores de tomada e USB para celulares, portas automatizadas e câmeras de segurança para monitoramento dos veículos, motoristas e clientes.

O serviço funciona de segunda-feira a sábado, das 6h às 23h, e percorre cerca de 50 bairros, entre eles os Setores Central, Sul, Universitário, Oeste, setor Aeroporto, Marista, Bueno, Bela Vista, Serrinha, Pedro Ludovico, Nova Suíça, Jardim Goiás, Alto da Glória, Vila Redenção, Jardim América, Parque Amazônia, Jardim Atlântico, Vila Alpes e Vila Rosa.

O download do aplicativo está disponível nos smartphones para os sistemas Android e iOS. Após o cadastro, o passageiro poderá solicitar a viagem e se deslocar para o ponto virtual indicado no aplicativo, onde fará o embarque para utilizar o serviço.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Comentários

Deixe uma resposta