Definição sobre tarifa de ônibus em São Paulo sai ainda neste ano, diz Bruno Covas

Publicado em: 19 de novembro de 2019

Prefeito afirmou que estudos com governo do Estado já estão sendo realizados

ADAMO BAZANI

Colaborou Alexandre Pelegi

Ainda neste ano, quem usa ônibus em São Paulo saberá se vai pagar mais caro a passagem e quanto será o novo valor.

A promessa é do prefeito de São Paulo, Bruno Covas, na manhã desta terça-feira, 19 de novembro de 2019.

Segundo Bruno Covas, as negociações com o Governo do Estado já estão em andamento.

Costumeiramente, ônibus e sistema de trilhos adotam os mesmos valores, o que facilita o cálculo das integrações pelo Bilhete Único e, em algumas vezes passadas, as datas de reajustes coincidiram.

Na última semana, surgiu a informação de que com medo de protestos, como ocorreram no Chile, a gestão do Governador João Doria considera não aumentar as tarifas do Metrô e da CPTM.

A informação não foi confirmada oficialmente pelo Palácio dos Bandeirantes.

O não reajuste do Metrô e da CPTM poderia resultar em dois problemas para a gestão municipal.

O primeiro é de ordem econômica.

Atualmente, a cidade precisa de R$ 3 bilhões para subsidiar o sistema de ônibus, principalmente para complementar as gratuidades. Sem aumento, esse valor pode ser maior ainda.

O segundo problema, não menos importante, é de ordem política. Um aumento de ônibus sem reajuste de Metrô e CPTM causaria uma imagem negativa que poderia trazer prejuízos em ano de eleições municipais, como será 2020.

As declarações de Bruno Covas foram feitas durante entrega de 15 ônibus elétricos zero quilômetro da empresa BYD para a zona Sul de São Paulo. Relembre: Quinze ônibus elétricos da Transwolff começam a operar nesta terça-feira, 19

Os veículos não emitem poluentes durante a operação e o nível de ruído é baixo.

Os ônibus já fazem a linha Campus Unisa 1/ Terminal Santo Amaro.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes.

Colaborou Alexandre Pelegi

Comentários

  1. Paulo Gil disse:

    Amigos, boa noite.

    Pena que a PMSP e os demais órgãos envolvidos, não sejam tão eficazes na operação do buzão de Sampa, como são na área financeira.

    Por que será né?

    Um dia eu aprendo.

    Att,

    PAulo Gil

  2. Rodrigo Zika! disse:

    Esse ano não melhorou praticamente nada no transporte publico, e la vem aumento, piada.

Deixe uma resposta