BYD aumenta participação na Itália com venda de 13 ônibus 100% elétricos para Messina

Uma das principais cidades da Sicília financiou compra com fundos do Programa Operacional Nacional Metropolitano de Cidades 2014-2010

ALEXANDRE PELEGI

O município de Messina, uma das principais cidades da Sicília, no sul da Itália, acaba de assinar um pedido de 13 ônibus 100% elétricos BYD.

Os ônibus serão entregues este ano em dois lotes. Com 8,7 m de comprimento, os elétricos virão equipados com duas portas, com capacidade para 53 passageiros.

O anúncio da escolha da BYD saiu no final de março deste ano, após concorrência realizada pela prefeitura de Messina. No dia do anúncio, 30 de março, a futura rota por onde circularão os elétricos foi testada pelo comissário de transportes públicos da cidade, Gaetano Cacciola.

messina_BYD

Prefeito de Messina, Cateno De Luca, e o Diretor Administrativo da BYD Europe, Isbrand Ho

O contrato foi assinado nos últimos dias na presença do prefeito de Messina, Cateno De Luca, o Secretário Geral, Antonio Le Donne, e o Diretor Administrativo da BYD Europe, Isbrand Ho.

O município será proprietário dos ônibus, que serão emprestados à ATM, operador de transporte público de Messina.

A compra está sendo financiada pelo Programa Operacional Nacional Metropolitano de Cidades 2014-2010 (Pon Metro 2014-2020), com recursos estimados em 5,19 milhões de euros, segundo noticiado pelo Giornale di Sicilia em março deste ano.

O Programa faz parte da Agenda Urbana Nacional Italiana de Desenvolvimento Urbano Sustentável. Visa apoiar um esforço conjunto de cooperação entre 14 cidades metropolitanas designadas de acordo com a recente legislação italiana. O objetivo é melhorar a qualidade e eficiência dos serviços urbanos e a inclusão social da população mais vulnerável.

Com cinco prioridades definidas, o Programa tem uma específica denominada “Sustentabilidade dos serviços públicos e mobilidade urbana”, onde se enquadra a compra dos elétricos.

A BYD já havia obtido contratos para fornecer ônibus elétricos na Itália para as cidades de Pádua, Turim, Milão e Novara. Relembre:

BYD vence licitação de seis ônibus 100% elétricos para a cidade de Pádua, noroeste da Itália

Operadoras da Itália encomendam 13 ônibus elétricos BYD da China

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

1 Trackback / Pingback

  1. Jerusalém terá primeiros ônibus 100% elétricos fornecidos pela BYD – Diário do Transporte

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: