Rio de Janeiro é o estado com mais ônibus queimados em 2018

De 2015 a 2018, foram 537 ocorrências.

Até o momento, foram registradas 21 ocorrências, o que representa 42,9% dos casos do país

JESSICA SILVA PARA O DIÁRIO DO TRANSPORTE

O estado do Rio de Janeiro lidera o ranking de ônibus incendiados no país. Ao todo, foram registradas 21 ocorrências desde janeiro até 26 de março deste ano, segundo dados da NTU (Associação Nacional das Empresas de Transportes Urbanos).

O número representa 42,9% do total de casos do país. Desde o início de 2018, foram 49 ônibus queimados em todo o Brasil.

O segundo estado com o maior número de ocorrências do tipo, neste ano, é Minas Gerais, com 13 casos. Em seguida, está o Ceará, com o registro de seis ônibus queimados, por conta dos ataques de facções criminosas em Fortaleza.

RELEMBRE:

Fortaleza tem frota reduzida neste domingo e ônibus operam em comboio por causa de ataques

Se for somado o total de ocorrências de 2015 a 2018, segundo levantamento da NTU, o estado com mais ataques a ônibus é São Paulo, que teve 675 casos. Em seguida, está Rio de Janeiro, com 537 ocorrências, Minas Gerais com 287 e Bahia com 96. Em todo o país, foram registrados 2.182 ônibus incendiados no período.

Ainda de acordo com a NTU, nos dez primeiros meses de 2017 foram gastos R$ 114,8 milhões com a reposição de coletivos incendiados. Os custos foram arcados pelas operadoras de transporte público do país. A conta leva em consideração o valor de R$ 350 mil para cada novo veículo que precisou ser comprado.

Entre 2004 e 2017, as empresas gastaram R$ 1,3 bilhão com reposição de ônibus e outros custos que foram gerados após os ataques.

Confira o levantamento completo da NTU:

NTU.png

1 comentário em Rio de Janeiro é o estado com mais ônibus queimados em 2018

  1. Eunezio de Souza Monte Raso // 31 de Março de 2018 às 08:37 // Responder

    Se eu fosse empresario do ramo de transporte jamais eu iria repor esse ônibus queimadis uma parte dos moradores dos bairros aonde os ônibus foram queimados sabem quem sao os bandidos , sabem aonde moram vão padecer calados ou conivventes esquecem que eles precisam dos transportes publicos .

1 Trackback / Pingback

  1. Outros cinco BRTs foram depredados no Rio de Janeiro – Diário do Transporte

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: