Tarifa de ônibus em São Bernardo Campo sobe para R$ 4,40 em 13 de fevereiro de 2018

Ônibus novo que deve compor a frota de São Bernardo do Campo Clique na Foto para ampliar. Foto: Adamo Bazani

Orlando Morando chegou a falar em cálculos de R$ 4,80 pela gerenciadora do município

ADAMO BAZANI

Na próxima terça-feira, 13 de fevereiro de 2018, a tarifa de ônibus de São Bernardo do Campo, no ABC Paulista, sobe dos atuais R$ 4,20 para R$ 4,40 para os passageiros que pagam com dinheiro ou com o Cartão Legal, modalidade comum.

Já a tarifa da modalidade Vale-Transporte, paga pelos empregadores aos funcionários, passa a ser de R$ 4,75.

O decreto com os reajustes foi publicado nesta sexta-feira pelo prefeito Orlando Morando que ontem, após reunião do consórcio de prefeitos do ABC, chegou a falar que a ETCSBC – Empresa de Transporte Coletivo de São Bernardo Campo, gerenciadora do sistema, havia apresentado uma planilha de tarifa em torno de R$ 4,80.

Relembre:

https://diariodotransporte.com.br/2018/02/09/abc-descarta-tarifa-de-onibus-regionalizada-e-negociacoes-serao-somente-entre-viacoes-e-prefeituras/

No decreto, a prefeitura diz que a queda da demanda de passageiros, investimentos, aumentos dos salários dos funcionários do sistema operado pela concessionária SBC Trans e os reajustes do óleo diesel pressionaram o reajuste.

Considerando a necessidade de se ajustar a tarifa do transporte coletivo municipal, em razão do aumento das despesas que compõem os principais custos operacionais desse serviço público, em especial: i) óleo diesel que sofreu aumento da ordem de 14,8% com impacto em 2,47% na tarifa técnica vigente; ii) o aumento salarial e benefícios dos operadores na ordem de 5,3% com impacto na tarifa técnica em 2,43%; iii) os investimentos em frota e soluções tecnológicas relativas à informação e comunicação aos usuários e ao controle operacional, com impacto na tarifa técnica em 0,80%; Considerando a significativa queda da demanda pagante na ordem de 8,6%, e, ao mesmo tempo, o aumento da demanda não pagante na ordem de 11%, ao longo do ano de 2017 comparativamente com o ano de 2016, resultando assim na redução dos usuários que participam do pagamento do serviço municipal de transporte coletivo;

ÔNIBUS NOVOS:

Veículo possui acessibilidade por elevador

A operadora da cidade, SBC Trans, coloca em circulação dez ônibus zero quilômetro que foram apresentados nesta semana pelo prefeito Orlando Morando.

Ao todo serão 20 veículos convencionais de 13,2 metros de comprimento com capacidade para 81 passageiros cada, sendo 41 sentados e 40 em pé.

Os ônibus possuem carregadores para celulares e notebook, monitores de TV a bordo, sistema de circulação de ar com resfriamento do ambiente, wi-fi e elevadores para cumprir as normas de acessibilidade.

Os veículos são de carroceria Caio Apache Vip IV e chassi Volkswagen 17-260 OD (motor dianteiro) que devem substituir os ônibus Scania de 15 metros.

Ainda neste ano, a operadora deve adquirir ônibus articulados para os corredores que estão sendo abertos na cidade.

No ano passado, a SBC Trans colocou 55 ônibus midi (micrões) zero quilômetro, Apache Vip IV OF 1519, no lugar de micro-ônibus, segundo a empresa.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

8 comentários em Tarifa de ônibus em São Bernardo Campo sobe para R$ 4,40 em 13 de fevereiro de 2018

  1. A queda na demanda de passageiros, força o aumento da tarifa, segundo o decreto, e o aumento da tarifa, aliado a ônibus desconfortáveis, com poucos assentos, onde a maioria viaja em pé, lentos, (ainda mais sem cobradores, que tornam o embarque e a viagem mais demoradas), horarios espaçados,força ainda mais a queda do número de passageiros.

  2. Acho pouco……Viva Orlando Morando. SBC enfim tem a p….. que merece.

  3. Poucos assentos, altos intervalos, sem cobradores tornando a viagem, bem lenta…por isso que perde passageiros…..

  4. Prefeito lixo e esse Orlando morando isso e bom ta acontecendo porque tiraram o pt pra melhorar e tdo mundo sabe que esse lixo do Orlando morando e prefeito de empresário,mais e bom porque pobre e igual vassoura e o pau no rabo e ele dançando falando dizendo que ta bom(votem no Orlando)

  5. Tudo ilusão, refrigeração não funciona, não funciona wifi, péssima manutenção, ônibus sujo e muitos ônibus quebrados com até poltronas quebrados e 5mm muito mais é fazer uma entrevista com a população sbc.

  6. Realmente tudo ilusão, wifi não funciona, tv fica desligada e claro, como todos da região sabemos “81 passageiros cada, sendo 41 sentados e 40 em pé” isso não existe. Agora além de aumentar a tarifa ainda querem tirar a integração, é uma palhaçada mesmo!

  7. Tudo isso é ilusão mesmo, porque preciso pegar duas condições para ir e voltar do trabalho, além de pagar mais caro, não temos mais a integração com outro ônibus. Isso realmente é um descaso com a população que paga os impostos em dia.

  8. Esse é o incentivo do prefeito ao trabalhador cobrando tarifas mais caras,tem razão das empresas estarem correndo de s.B.C.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: