Empresa de ônibus no ABC adota programa para redução da obesidade com práticas saudáveis

Funcionários da Metra que participaram da edição deste ano. Muito mais que perder peso, adoção de práticas saudáveis para o dia a dia.

“Medida Metra” está em sua quarta edição.  Funcionários contam com apoio de equipe multidisciplinar, com nutricionista, fisioterapeuta, psicóloga, educadores físicos e academia completa dentro da garagem

ADAMO BAZANI

Dados do Ministério da Saúde revelam que, nos últimos 10 anos, a prevalência da obesidade no Brasil aumentou em 60%, passando de 11,8% da população em 2006 para 18,9% em 2016. O excesso de peso também subiu de 42,6% para 53,8% da população no mesmo período.

Já entre os profissionais da área de transportes, o total de pessoas com sobrepeso ou obesidade pode chegar até 72%.

Diante desse quadro, a Metra, operadora do Corredor Metropolitano ABD, entre o ABC Paulista e a cidade de São Paulo, adotou há quatro anos o programa “Medida Metra”.

Os funcionários, não somente da área de operação, contam no decorrer do programa, que tem duração entre dois e três meses, com auxílio de uma equipe multidisciplinar composta por nutricionista, fisioterapeuta, psicóloga, educadores físicos, além de terem à disposição uma academia completa dentro da garagem o ano todo.

Em 2017, o programa entrou na quarta edição, com 42 participantes, divididos entre 26 mulheres e 16 homens, que aceitaram o desafio de receber dicas e lições sobre reeducação alimentar e exercícios no prazo de 60 dias.  A iniciativa propõe emagrecimento e a redução de medidas e peso, com qualidade de vida, bem-estar e evolução das capacidades físicas.

Para a fase final, foram classificados 33 funcionários

Os resultados logo vieram para quem se dedicou e seguiu corretamente às instruções dos profissionais de saúde. É o caso do motorista Ataídes Antunes Abrantes, de 48 anos, que perdeu 12,650 kg e 13,5 centímetros de circunferência na cintura em apenas dois meses.

“Mais importante foi a conquista pessoal de perder peso com saúde, qualidade de vida e a consciência de que, com força de vontade e o apoio de amigos e companheiros de trabalho, é possível e mais fácil atingir os objetivos desejados” – disse o motorista.

Neste ano, o programa começou em março e, se somados todos os participantes, a redução de peso foi 75 kg, com menos 144,5 cm de medida na cintura, 187 cm, de abdome, 113,5 cm de quadril.

Segundo a diretora da Metra, Maria Beatriz Setti Braga, o objetivo do programa é dar um “pontapé” inicial para que as pessoas adotem uma rotina mais saudável no dia a dia, mesmo após o encerramento das atividades.

“Pensamos em uma forma de contribuir para melhorar a qualidade de vida dos nossos funcionários, onde eles pudessem receber dicas de como ter uma alimentação mais saudável, praticar exercícios físicos e, ainda, serem motivados uns pelos outros”

O início do programa é marcado por uma avaliação feita pela nutricionista da empresa, Denise Tavares. Nesta etapa, é realizada a medição de peso, gordura e circunferências corporais.

“Na primeira avaliação vimos que muitos funcionários acham que para perder peso é necessário o uso de alguma medicação, quando na verdade, o que faz isso acontecer é o equilíbrio entre uma alimentação saudável e atividades físicas regulares”

Iniciado em 2013, o Medida Metra foi inspirado no quadro “Medida Certa”, do Fantástico, da TV Globo. Toda a abordagem dos profissionais de saúde é feita com seriedade e compromisso, mas sem deixar de lado, a maneira lúdica e descontraída para que as atividades não se tornem sinônimo de martírio ou imposição.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes