ANTT autoriza Princesa do Norte a suprimir linha e paralisar mercados

Foto: Fabiano de Oliveira Prado/Ônibus Brasil

Agência atendeu também a pedidos de nove empresas para operação em regime de fretamento e extinguiu autorização de operação da MV Transportes

ALEXANDRE PELEGI

A ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres) publicou nesta quarta-feira, 15 de junho de 2022, apenas três decisões referentes a solicitações de empresas de ônibus.

Além de atender a um pedido da Princesa do Norte para supressão de linha e paralisação de mercados, a Agência autorizou nove empresas a operarem em regime de fretamento.

A ANTT extinguiu ainda o TAF – Termo de Autorização de Fretamento da empresa MV Transportes.

Leia a seguir:

 

Decisão Supas nº 501: Autorizar as empresas relacionadas para a prestação do serviço de transporte rodoviário coletivo interestadual e internacional de passageiros realizado em regime de fretamento.

. ALEFE LOCAÇÕES EIRELI

. ALVATUR TRANSPORTE E TURISMO EIRELI

. CONFORT-TUR LOCADORA EIRELI

. FLAVIOTUR TRANSPORTE E TURISMO EIRELI

. GERALDO DE OLIVEIRA PASSOS & CIA LTDA

. JL MIOTTO TRANSPORTE LTDA

. S F M TURISMO LTDA

. TURISMO AMAZONIA LTDA

. TURISTAR LTDA

 

Decisão Supas nº 502: Extinguir, mediante renúncia, o Termo de Autorização de Fretamento – TAF nº 436146 concedido à MV Transportes e Turismo Ltda.

 

Decisão Supas nº 503: Deferir o pedido da Empresa Princesa do Norte S/A para a supressão da linha RIBEIRÃO CLARO (PR) – OURINHOS (SP), prefixo nº 09-0574-20, em cumprimento ao art. 16 da Resolução nº 5.285/2017.

Deferir o pedido da Princesa do Norte para a paralisação dos mercados de RIBEIRÃO CLARO (PR) para OURINHOS (SP), CHAVANTES (SP) e CANITAR (SP), na Licença Operacional – LOP de número 90, em cumprimento ao § 1º do art. 45 da Resolução nº 4.770/2015.

Esta Decisão entra em vigor em 22 de agosto de 2022.

Print D.O.U. 15/06/2022

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta