Motoristas de ônibus da capital paulista decretam “estado de greve” e prometem protestos em terminais na quarta (25)

Categoria quer reajuste salarial de 12,47%, mais aumento real

ADAMO BAZANI

Motoristas, cobradores e demais funcionários do sistema de ônibus municipais da capital paulista aprovaram em assembleia nesta segunda-feira, 23 de maio de 2022, a decretação do “estado de greve”.

“Estado de greve” não é a greve em si, mas é um ato legal para uma eventual paralisação caso as negociações não avancem.

De acordo com o Sindmotoristas, a primeira proposta apresentada pelas empresas de ônibus por meio do SPUrbanuss foi recusada pelos trabalhadores.

Na quarta-feira (25), devem ocorrer protestos em terminais de ônibus da cidade a partir de 14h, mas sem suspensão das linhas.

As reivindicações da categoria são:

  • Reajuste Salarial de 12,47%, mais aumento real;
  • Vale Refeição de R$ 33,00 (unitário);
  • Equiparação de todos os benefícios para os trabalhadores e trabalhadoras das empresas do sistema complementar (empresas novas);
  • Participação nos Lucros ou Resultados (PLR) de R$ 2.500,00;
  • Fim das escalas com uma hora para refeição sem remuneração;
  • Reajustes nos valores dos benefícios: Auxílio Funeral, Seguro de Vida, Convênio Médico e Odontológico etc;
  • Adequação das nomenclaturas do Plano de Carreira do Setor de Manutenção, equiparação salarial e promoção para funcionários e funcionárias Fora de Função.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Valdo de Oliveira disse:

    Eu tenho vergonha dessa categoria a força qui vocês não sabe usar

  2. Rodrigo disse:

    Não vai ter greve porcaria nenhuma, quem quer fazer greve não manda recado, vai lá e faz.

    Isso não passa de uma forma de jogar a população contra o governo.

  3. Afonso Barbosa Chagas Da Silva disse:

    É isso mesmo não manda recado faz e pronto.

  4. Wagner Estevão disse:

    Pessoas vivem que 1 salário minino e esses caras querendo aumento, cobradores vivem no whatsapp ou dormindo mandam embora e contrata quem está querendo trabalhar

  5. maria disse:

    tem pessoas querendo trabalhar ;manda embora esses povo tudo que nunca estão contente com nada ;muita gente sobrevive com bem menos ;e eles sempre querendo aumento me poupe

Deixe uma resposta