Terminal Vila Sônia e estação do Metrô são autorizados a funcionar integralmente a partir desta segunda-feira (09), mas só abre nesta terça (10)

Estação de Metrô está com horário parcial e terminal de ônibus começará a receber linhas da EMTU e SPTrans gradativamente, ligação até Taboão da Serra será por ônibus contratados e SPTrans implanta faixa exclusiva também na segunda-feira

ADAMO BAZANI

Agora é oficial. Depois de muita especulação e até omissão de informações, as operações do Terminal de Ônibus Vila Sônia e a abertura em tempo integral da estação Vila Sônia da linha 4 de Metrô, na zona Oeste da capital paulista (04h40 à 00h), tiveram autorização para ocorrer a partir já desta segunda-feira, 09 de maio de 2022.O funcionamento para o público deve ocorrer no dia 10 de maio.

É o que diz resolução número 24 da STM (Secretaria dos Transportes Metropolitanos) publicada neste sábado 07 de maio de 2022.

A abertura do terminal e a expansão do horário da estação vão causar muitas mudanças nos transportes da região, com a criação de uma nova faixa de ônibus, a operação de ônibus gratuito até Taboão da Serra e mudanças em linhas municipais da capital paulista (SPTrans) e metropolitanas (EMTU), que vão ocorrer em etapas (Veja os detalhes mais abaixo na reportagem do Diário do Transporte)

A operação comercial integral da estação e o início do atendimento do terminal de ônibus ocorrem com um grande atraso de quase duas décadas.

As obras da linha 4 Amarela começaram em setembro de 2004. A promessa inicial era de que a estação Vila Sônia, com o terminal de ônibus, estivesse em operação até 2009. Mas somente 18 anos depois do início das obras da linha é que a estrutura passa a atender integralmente a região.

As obras da linha 4 foram marcadas por atrasos em canteiros, descumprimento de contratos, descredenciamento do primeiro consórcio que iria entregar e operar os serviços e até mesmo uma tragédia, um deslizamento em um canteiro da Estação Pinheiros, quando houve sete mortes e 79 famílias desalojadas. As estações foram entregues gradativamente. É a primeira PPP (Parceria Público Privada) de transportes do Estado de São Paulo.

O trecho entre Vila Sônia e Taboão da Serra vai ser operado com ônibus, até os trilhos chegarem à cidade vizinha.

Esta operação também está autorizada a partir do dia 09 de maio de 2022, e funcionamento será quando o terminal abrir.

A estação Vila Sônia passou a operar em horário parcial em 17 de dezembro de 2021.

O QUE VAI MUDAR

ÔNIBUS TABOÃO DA SERRA/VILA SÔNIA (ViaQuatro/Lira Bus)

A Via Quatro, concessionária da Linha 4 do Metrô, vai disponibilizar ônibus articulados de 23 metros e capacidade para quase 200 pessoas entre o terminal Vila Sônia e o Largo do Taboão, onde está sendo construído um miniterminal em Taboão da Serra. Não haverá cobrança pelo transporte por ônibus, mas o passageiro terá de pagar o Metrô.

Os ônibus são operados pela empresa Lira Bus, do Grupo Belarmino, contratada para os serviços.

São projetados 13 coletivos e o trajeto entre o Largo do Taboão e o terminal de ônibus da estação Vila Sônia será feito em 14 minutos. A demanda média estimada é de 3 mil pessoas por hora

LINHAS MUNICIPAIS de SÃO PAULO (SPTrans);

A partir de 21 de maio, a SPTrans vai fazer diversas alterações em linhas de ônibus na zona Oeste da capital paulista com o início das operações do Terminal Vila Sônia da linha 4 de metrô.

Uma nova linha e outras cinco já existentes passam a ir somente até Vila Sônia no dia 21 e, no dia 28, outras três linhas irão até este novo terminal.

A linha municipal que será criada é 8019/31, entre o Parque Continental e o Terminal Vila Sônia.

Essa nova linha passará por bairros como Jaguaré, Rio Pequeno e Butantã

Veja os detalhes em:

https://diariodotransporte.com.br/2022/05/03/com-inicio-de-operacoes-do-terminal-vila-sonia-sptrans-realiza-mudancas-em-linhas-de-onibus-a-partir-de-21-de-maio/

LINHAS INTERMUNICIPAIS (EMTU)

A partir de 14 de maio de 2022, 24 linhas da EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos) irão somente até o novo Terminal Vila Sônia, integrado com a linha 4 de metrô e que tem previsão de ser entregue na próxima semana.
Estas linhas hoje saem de municípios como Osasco, Embu das Artes, Itapecerica da Serra e Taboão da Serra e hoje vão até as estações de Metrô São Paulo-Morumbi, Butantã e Pinheiros, na capital paulista.

As mudanças serão em três etapas, sendo que em 14 de maio serão nove linhas a parar no Terminal Vila Sônia, mais cinco linhas no dia 21 e maio e 10 linhas com maior lotação no dia 28.

Confira o cronograma e as linhas no link:

https://diariodotransporte.com.br/2022/05/06/linhas-da-emtu-comecam-a-servir-terminal-vila-sonia-a-partir-do-dia-14-de-maio/

Veja a resolução

Print D.O.E. – 07 de maio de 2022

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Ismael Junior disse:

    Ué se o Ruas tem sociedade com a CCR não deveria ele operar a parte por ônibus em vez do Belarmino?

  2. Luis carlos Silva disse:

    E alende eles nao trazer o metro ate o taboao a inda temos que pagar duas passagem com passagem cara dojeito que ta e nao tem integracao vou andar de limnha lilas mesmo

  3. Vanderlei disse:

    Nosssaaa amo eesse jornal de voces

  4. Dênis Douglas disse:

    Mais curioso do que o Ruas não ter feito isso foi o Belarmino, que nunca teve uma linha além da Vital Brasil, ter sido o agraciado.

  5. Ckaudia disse:

    Que maldade que estão fazendo

Deixe uma resposta