SuperVia, no Rio, anuncia tarifa de R$ 7 em 2 de fevereiro

Concessionária espera chegar a um entendimento com o governo estadual para minimizar os impactos a população

WILLIAN MOREIRA

A SuperVia, concessionária operadora do transporte ferroviário urbano no estado do Rio de Janeiro, anunciou em seus canais oficiais que a nova tarifa no valor de até R$ 7,00 foi homologado pela Agetransp (Agência Reguladora de Serviços Públicos Concedidos de Transportes Aquaviários,Ferroviários e Metroviários e de Rodovias do Estado do Rio de Janeiro). O novo valor entrará em vigor em 2 de fevereiro de 2022.

Para alcançar o novo valor máximo a ser aplicado, foi levado em conta o cálculo do índice de IGP-M, realizado pela Fundação Getúlio Vargas, já previsto no contrato de concessão.

Na justificativa da concessionária, são mencionados os custos com a operação que foram impactados pela inflação, como energia, manutenção dos trens e da via férrea, aquisição de peças e equipamentos importados para reposição nos trens, entre outros. Também foi mencionado o aumento expressivo de casos de vandalismo e furto de materiais.

A SuperVia alega estar em tratativas com o Governo do Estado para buscar medidas que reduzam os impactos do reajuste aos passageiros dos trens, mas assegurando o equilíbrio econômico financeiro do contrato.

Willian Moreira em colaboração especial para o Diário do Transporte

 

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. tiago disse:

    nunca mais eu reclamo da CPTM

  2. Karl Marx. disse:

    Anunciou aumento de sete rais, para haver reclamação e fechar no valor que realnente querem.
    Prática super manjada de concessionárias.
    Me engana que eu gosto

  3. Gerson disse:

    Não devemos aceitar esse reajuste. Com isso muitas pessoas vão perder seus empregos!
    Olha como tudo está caro no nosso País e cada dia o Rico mais Rico e o Pobre mais Pobre.

Deixe uma resposta