Tarifa de R$ 4,25 volta a ser cobrada no transporte coletivo de Presidente Prudente a partir de terça (28)

Foto: Divulgação Prefeitura de Presidente Prudente

Retomada do pagamento para o embarque ocorre após 20 dias de gratuidade

WILLIAN MOREIRA

A Prefeitura de Presidente Prudente, interior do estado de São Paulo, informou que a partir da próxima terça-feira, 28 de dezembro de 2021, a cobrança de tarifa no transporte coletivo da cidade voltará a ser realizada.

O valor continua de R$ 4,25 o mesmo preço praticado antes da interrupção.

Entretanto nos primeiros dias somente o pagamento em dinheiro será aceito, devido o sistema de bilhetagem eletrônica estar em fase de implantação pela Sancetur, nova concessionária operadora do serviço.

No começo da semana a prefeitura já havia solicitado as empresas do município que fornecem vale-transporte aos seus trabalhadores, para que pagassem em dinheiro para facilitar o embarque.

É aguardando ainda pela gestão local que a antiga concessionária as informações referente aos créditos utilizados e remanescentes nos cartões para que possam ser transferidos e utilizados pelos trabalhadores.

Se a demora persistir, o ingresso com ação na justiça não está descartado, como explicou o secretário de Mobilidade Urbana, Luiz Edson de Souza.

“Se for necessário, acionaremos judicialmente a Company Tur para que tenhamos acesso a esses dados. Até lá, teremos que adotar a tarifa somente em dinheiro, pois o sistema de bilhetagem por cartão está em fase de implantação e isso requer mais tempo. Precisamos ter responsabilidade com a administração pública e não podemos manter o transporte gratuito indefinidamente.”

Willian Moreira em colaboração especial para o Diário do Transporte

 

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta