VÍDEO: Proteção de motor de ônibus se desprende e veículo faz viagem sem a peça de Santo André a Sorocaba

De acordo com Viação Cometa, incidente não impactou operação e veículo foi recolhido após o desembarque

ADAMO BAZANI

A reportagem do Diário do Transporte flagrou no início da noite deste domingo, 19 de dezembro de 2021, um ônibus da Viação Cometa realizando embarque e seguindo viagem sem um item de segurança da carroceria: a grade de proteção e tampa d acesso do motor.

O embarque foi realizado às 18h no TERSA (Terminal Rodoviário de Santo André), em Santo André, no ABC Paulista. O ônibus teve como destino a cidade de Sorocaba, no interior de São Paulo.

O veículo, prefixo 721537, é um modelo de carroceria Busscar Vissta Buss 360, chassi Scania K360 IB 4x 2, novo, entregue neste ano de 2021.

O item é considerado de segurança por evitar que impurezas e até mesmo pedregulhos e outros detritos danifiquem o motor impossibilitando a realização da viagem. A grade também isola pessoas e demais veículos de calor, eventuais faíscas, vazamentos e auxilia na redução de ruído externo.

Em nota ao Diário do Transporte, a Cometa informou que a tampa se desprendeu durante o trajeto e que, apesar do incidente, a operação não foi afetada. Após o desembarque, o ônibus foi recolhido para conserto.

A Viação Cometa informa que na noite de ontem, 19, a tampa lateral de acesso ao motor de um dos ônibus que realizava a linha Santo André x Sorocaba desprendeu durante o trajeto. O incidente não impactou a operação. O veículo foi encaminhado para a área de manutenção assim que o desembarque dos passageiros foi encerrado.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Antonio disse:

    A tampa ausente é menos perigosa que as lanternas totalmente foscas deste ônibus. Isso reduz a luminosidade da peça e pode realmente provocar aciidentes.

  2. MARCOS NASCIMENTO disse:

    Não não, não pode ser COMETA não! É um onibus pirata da Trans Brasil pintado com a horrível cor da Cometa, é isso!

    1. Diego Queiroz disse:

      Ou então a serviço da Buser. Deve ter acabado a tinta rosa.

  3. Leandro disse:

    Deveria estar colado com cuspe. Ônibus bonito porém frágil. Nada fabricado hj em dia presta. Daqui uns anos de uso os passageiros vão ter que segurar as peças do ônibus dentro pra ele não desmontar na rua.

  4. Rogério Martins disse:

    Isso acontece muito, quando a manutenção não prende direito a peça. Já aconteceu, numa empresa em que trabalhei, o motorista saiu com o veículo da garagem e depois de alguns minutos voltou á pé com o para-choque nas meus e disse para o líder:
    – Fala para o mecânico busca o resto da ambulância.

Deixe uma resposta