BBF 2021: Máquinas e emoções não são coisas tão distintas – Várias fotos

Encontro teve ônibus de diversas épocas que, reunidos, despertaram lembranças e sentimentos que provam que este tipo de veículo é muito mais que um simples meio de transporte

ADAMO BAZANI/WILLIAN MOREIRA

Quem acha que máquinas e emoções são coisas muito distintas, é poque não esteve na BBF (BusBrasil Fest) realizada neste domingo, 12 de dezembro de 2021, na Praça Charles Miller, em frente ao estádio do Pacaembu, na zona Oeste de São Paulo.

Ao todo, 183 ônibus de diferentes épocas foram colocados lado a lado, desde os mais antigos que impressionavam pelas latarias fortes e ar de robustez, até os mais tecnológicos, como rodoviários de alto padrão e elétricos, demonstrando que a mobilidade entra para a fase da busca mais que necessária de preservar o meio ambiente para preserva a vida humana.

Nesta viagem pela linha do tempo da mobilidade foi possível perceber que, assim como a própria humanidade, os transportes buscam evolução, afinal, transportar é intrínseco ao ser humano.

Essa evolução fez o visitante “viajar” num mesmo dia e num mesmo lugar pelos fortes ônibus com chassis altos, refletindo uma época em que ainda em grandes cidades, as ruas e avenidas centrais de terra exigiam veículos simples e robustos; e passear também pelo capítulo da busca do requinte, com os veículos monoblocos (chassi, carroceria e motor formando um conjunto unificado) e outros encarroçados cujo design e conforto interno mostravam uma outra necessidade dos transportes com o passar do tempo: muito mais que transportar pessoas, conquistar pessoas.

Mas por trás de todo este progresso das máquinas, há histórias pessoais, vidas, lutas, alegrias e até decepções. Todos estes sentimentos vieram à tona novamente entre os visitantes.

Sim, a máquina só tem sentido de existir se for à serviço da emoção.

Os olhares para os ônibus, cada foto, cada filmagem, cada conversa entre velhos amigos ou amizades que surgiram no evento evidenciaram esta realidade.

Outro fato positivo do evento é que a maioria usava máscara de proteção contra a covid-19, uma exigência no Estado de São Paulo mesmo em ambiente aberto, mas também tinha muitas pessoas sem a máscara enquanto andava e conversava, contraria a recomendação da organização do evento e das autoridades de saúde.

A BBF é organizada pelo Portal do Ônibus e tem o apoio do Diário do Transporte

Veja abaixo algumas destas máquinas de emoções com as descrições.

 

SERVIÇO:

Evento: BBF (BusBrasil Fest) – 2021

Edição: 15ª edição, 20º ano

Onde: Praça Charles Miller, em frente ao estádio do Pacaembu, na zona Oeste de São Paulo

Quando: 12 de dezembro de 2021, das 10h às 17h

Custo: Gratuito

Realização: Portal do Ônibus

Apoio: Diário do Transporte

Obrigatório uso de máscara facial de proteção contra a covid-19

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Willian Moreira, em colaboração especial

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Gerson Carvalho disse:

    Bom dia a todos!

    Engraçado que a empresa mais que perfeita, que tem um Marketing maravilhoso, que valoriza os trabalhadores, rebaixando a carteira dos motoristas criando a categoria “Midi”, sendo que os mesmos recebem como “Convencional”, a que renova e inova, a que nunca erra e merece todos os holofotes, não mandou um carro sequer?
    Nem as novidades exclusivas de lançamentos da montadora? Nem seus veículos antigos, que ninguém pôde vê-los, apenas um seleto grupo…

    Enfim…

    Att,

    GERSON CARVALHO

  2. JOSE RICARDO BARBOSA disse:

    Parabéns aos organizadores, realmente é uma viagem no tempo, na próxima vou levar meu pai que foi motorista da Brasil Luxo por mais de 30 anos, hj Grupo Sambaiba

  3. MARCOS NASCIMENTO disse:

    Parabéns pela ampla e magnífica cobertura jornalística e pela expressiva quantidade de belas imagens registradas neste evento que sem dúvida superou os anteriores. Ficamos na torcida para que o próximo evento seja no mesmo local e que empresas que não participaram vejam e reflitam sobre a importancia de participar de um evento desta magnitude que alcança um grande número de entusiastas dos transportes bem como proporciona o encontro de gerações de todos os tempos tanto de pessoas que cultivam este saudável hobby bem como dos coletivos exibidos nestes eventos que precisavam se multiplicar por todo o Brasil considerando o tamanho deste país de dimensões continentais e que apesar das crises do setor com a redução do número de passagens pagas, com estes aplicativos de transporte individual que retiram passageiros dos onibus, metros, vans legalizadas e trens e aindam mandam para fora do Brasil 25% dos recursos. Apesar de tudo e com o avanço do desemprego neste setor por causa destes e outros problemas citados ainda temos a maior quantidade de frota de onibus comparando com os países de mesmo porte existentes nas 3 Américas (Sul, Central e Norte).

Deixe uma resposta