Tarifa de ônibus em São Carlos (SP) sobe para R$ 4,50 em 08 de dezembro de 2021

Créditos de bilhetagem eletrônica serão de R$ 4,10

ADAMO BAZANI

Colaborou Jessica Marques

A prefeitura de São Carlos, no interior de São Paulo, vai reajustar a tarifa de ônibus para R$ 4,50 no dia 08 de dezembro de 2021.

O decreto 593, autorizando o reajuste, foi publicado em Diário Oficial.

O novo valor será aplicado aos usuários em geral para pagamento em dinheiro, incluindo as linhas que atendem as regiões de Água Vermelha e Santa Eudóxia.

De acordo com o decreto, o reajuste atende pedido de reequilíbrio econômico da empresa operadora da cidade, a Suzantur (Transportadora Turística Suzano Ltda).

A tarifa da bilhetagem eletrônica permanece em R$ 4,10 para a compra antecipada por meio de Cartão Individual de Recarga Eletrônico.

Os estudantes pagarão R$ 2,25 – 50% de desconto.

A tarifa da faixa 1 vai para R$ 2,70 e é destinada a Domésticas que recebam salário mínimo do Estado de São Paulo, Aposentados e Pensionistas que recebam até 1 (um) salário mínimo federal por mês (40% de desconto),

Na faixa 2, o valor é de R$ 3,60 para Domésticas, Operários, Aposentados e Pensionistas que recebam até 2 (dois) salários mínimos federais por mês (20% de desconto).

Pessoas com 60 anos ou mais continuam com gratuidade.

A prefeitura alega que o índice IPCA acumulado de fevereiro de 2020 (data do último reajuste) a outubro de 2021 é de 12,89%, porém o aplicado foi o índice de 9,75%, ou seja, abaixo do acumulado no período. Somente o óleo diesel acumula uma alta aproximada de 65% no preço.

“Com essa distribuição é possível manter o equilíbrio econômico financeiro do sistema bem como realizar a política de modicidade tarifária, buscando minimizar o impacto para aqueles usuários que não possuem benefícios de descontos tarifários”, explicou em nota, o secretário de Transporte e Trânsito, Paulo Luciano, lembrando que o valor do subsídio permanecerá de R$ 600 mil mensais.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Colaborou Jessica Marques

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta