Wemobi realiza votação para escolher layout do novo ônibus do Palmeiras

Ao todo, serão duas opções. Foto: Reprodução.

Opção mais votada será escolhida e voto dos sócios Avanti valem o dobro

JESSICA MARQUES

A Wemobi e o Palmeiras estão convidando os torcedores alviverdes para serem protagonistas na escolha do novo ônibus que irá transportar a equipe masculina profissional de futebol.
Assim, a partir desta quarta-feira, 10, até sexta, 12 de novembro de 2021, às 18h, a torcida poderá acessar este link para votar no layout preferido.
Os sócios Avanti terão uma vantagem na escolha da nova adesivagem, já que o voto de sócios-torcedores terá um peso duplicado frente aos demais.
Segundo a Wemobi, o design mais votado será escolhido como a nova adesivagem do ônibus oficial do Verdão. O resultado será anunciado no dia 16 de novembro, nas redes sociais do clube e da startup.
Ao todo, são duas opções de layout, sendo uma em tom de verde mais escuro contendo a frase “Palmeiras de Todos!” e, a outra versão, em um tom de verde mais claro com a expressão “#Maior Campeão do Brasil”.
“O propósito dessa ação é estreitar ainda mais nosso relacionamento com os torcedores do Palmeiras, proporcionando uma experiência de pertencimento e protagonismo, além de reforçar a wemobi como a startup referência na realização viagens rodoviárias. Para entrar no clima das competições que estão sendo realizadas atualmente, fizemos opções de design especiais para nosso webus, em comemoração a esse momento tão significativo para o clube”, afirmou o CEO da Wemobi, Rodrigo Trevizan.
A parceria oficial entre a Wemobi e o Palmeiras teve início em abril deste ano.
Relembre:
https://diariodotransporte.com.br/2021/04/08/wemobi-e-palmeiras-firmam-parceria-para-transporte-do-time-de-futebol/
Antes disso, porém, a startup transportou o time por um período de testes nos jogos decisivos de 2020 que culminaram nas conquistas do bicampeonato da América e da Copa do Brasil, dois dos três torneios vencidos pelo clube no ano passado.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta