Cinco novos ônibus começam a operar em Petrópolis (RJ) nesta terça (09)

Operação é realizada nas regiões da Posse, Nogueira e Pedro do Rio. Foto: Divulgação / Rafael Xarão.

Veículos foram adquiridos pela Turp Transporte

JESSICA MARQUES

Cinco novos ônibus começaram a operar no transporte coletivo de Petrópolis, na Região Serrana do Rio de Janeiro, nesta terça-feira, 09 de novembro de 2021.

Os veículos zero-quilômetro já estão em operação nas regiões da Posse, Nogueira e Pedro do Rio.

Os novos ônibus foram adquiridos pela Turp Transporte e se juntam aos outros 50 veículos recém-adquiridos nos últimos quatro anos.

Em nota, a empresa detalhou que o investimento foi superior a R$ 21 milhões nesse período. Atualmente, a empresa conta atualmente com 56% de sua frota renovada.

Dos cinco novos ônibus, três são convencionais com carroceria Caio Apache Vip IV e chassi Volksbus 17.230 OD. Estas unidades foram para a linha 711 – Posse.

Os outros dois ônibus são do tipo micro, com chassi Volksbus 9.160 e carroceria Caio F2400, sendo um para a linha 608 – Calembe e outro para a 715 – Retiro das Pedras.

“Com o piso revestido por um material antiderrapante, além de evitar quedas e acidentes, o produto inserido ainda possibilita significativa redução nos barulhos dentro do coletivo. As janelas passam a contar com menos estruturas de esquadrias, mantendo a eficiência de circulação do ar e uma experiência visual mais limpa aos clientes. Além disso, os passageiros podem contar com espaços internos mais distribuídos e assentos confortáveis”, detalhou a empresa, em nota.

Entre as características dos veículos, todos os balaústres foram idealizados por um sistema que inibe microbactérias, garantindo ainda mais a segurança. Todos eles, inclusive, são equipados por elevadores para pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida, campainhas com sistema Wireless, iluminação em Led, câmeras de monitoramento de última geração com qualidade HD, motor com menor emissão de poluentes ao meio ambiente, além de novos validadores, que permitem o pagamento da tarifa até por aproximação de celular, com o Cartão Digital.

CRISE

De acordo com o diretor da empresa, Jean Moraes, a renovação da frota em um momento de crise foi possível graças às negociações com fornecedores e diálogo com o município, através de um acordo que prevê o pagamento de auxílio emergencial e outros compromissos, que visam minimizar os prejuízos e buscar o equilíbrio financeiro para o sistema de transporte, alinhado às mudanças na gestão da operadora.

“O nosso investimento demonstra a preocupação com os passageiros e a busca por um melhor atendimento, assim como também garantir a qualidade no transporte público para os nossos colaboradores e clientes. Os novos modelos são mais adequados à operação e possuem tecnologias avançadas no mercado, principalmente, as apropriadas para os índices estabelecidos para a preservação do meio ambiente”, afirmou o diretor, em nota.

“Com esta renovação, a idade média da frota em operação na empresa Turp Transporte passa a ser de 4,5 anos de uso. Vamos continuar buscando oportunidades no mercado para apresentar veículos de qualidade que possam melhorar o deslocamento diário dos nossos clientes e colaboradores, com equipamentos que garantam mais durabilidade, contribuindo assim, para a redução dos custos operacionais”, completa.

Em setembro deste ano, a empresa também colocou em circulação 10 veículos convencionais zero quilômetro. Os ônibus, carroceria Marcopolo foram destinados para as linhas 600 – Terminal Corrêas, 609 – Castelo São Manoel, 610 – Araras, 611 – Bonfim, 615 – Terminal Corrêas x Carangola, 700 – Terminal Itaipava e 705 – Cuiabá.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Gabriel Gonçalves dos Santos Almeida disse:

    Vcs tinham que investir em parceria com a prefeitura em questão de obras d adequação de vias e terminais , por nem que fosse uns 5 ônibus articulados na linha 700 pra desafogar um pouco ! Ou se não aquele de dois eixos da Volks

Deixe uma resposta