Prefeitura do Rio oficializa data da segunda audiência pública do processo licitatório para concessão do Sistema de Bilhetagem Eletrônica

Primeiro encontro será dia 12 de agosto, na Câmara Municipal; segundo será online, dia 16 de agosto. Proposta inclui, num prazo de dez anos, emissão de mídia, comercialização de créditos, atendimento aos usuários, sistema de controle operacional e centralização da arrecadação tarifária

ALEXANDRE PELEGI

A Secretaria Municipal de Transportes – SMTR do Rio de Janeiro anuncia que realizará, no dia 16 de agosto de 2021, de 14h a 18h, uma Audiência Pública técnica de formato virtual para apresentação e discussão das condições técnicas que regerão o processo licitatório para a concessão do Sistema de Bilhetagem Eletrônica.

Este é o segundo encontro agendado para debater o que a prefeitura decidiu chamar de Sistema de Bilhetagem Digital (SBD).

A primeira Audiência Pública está agendada para o dia 12 de agosto, no formato presencial, na Câmara Municipal da cidade.

O período de Consulta Pública está aberto e as contribuições sobre o Termo de Referência ou Anexos podem ser encaminhadas por formulário até 25 de agosto. O formulário está disponível no link: https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSfdsrgMUER8fMksmVzRxxTRHJatNox1vmjsm-ulDHcoN6Ceow/viewform

O material preparatório que estará em debate contém Termo de Referência; Quadro de Indicadores de Desempenho; Modelagem Econômico-Financeira; Diretrizes de Proteção de Dados Pessoais; Critérios para Interoperabilidade de Sistemas de Bilhetagem e Matriz de Risco do Contrato.


Com prazo de 10 anos, a concessão inclui emissão de mídia, comercialização de créditos, atendimento aos usuários (incluindo as gratuidades), sistema de controle operacional, respectiva infraestrutura, e centralização da arrecadação tarifária.

No Termo de referência a prefeitura da cidade do Rio de Janeiro (PCRJ) apresenta três quadros que resumem o Modelo de Negócios, um organograma de funcionamento da Concessão e uma matriz de divisão de responsabilidades. Veja a seguir:


Como mostrou o Diário do Transporte, o novo modelo de bilhetagem eletrônica que deve ser implantada no sistema de transportes da cidade foi apresentado no 21 de julho de 2021.

Após as duas audiências públicas e a consulta pública, a estimativa é que o edital seja lançado em 30 de agosto de 2021.

Segundo a secretária de Transportes, Maína Celidônio, o objetivo é que a prefeitura seja uma espécie de “Banco Central” da bilhetagem, recebendo e repassando os recursos às empresas de ônibus e VLT (Veículo Leve sobre Trilhos), com controle em tempo real da entrada das receitas.

Relembre: https://diariodotransporte.com.br/2021/07/21/rio-de-janeiro-anuncia-licitacao-para-bilhetagem-eletronica-dos-transportes-publicos-e-preve-fim-do-uso-de-dinheiro/

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta