Itapevi (SP) abre licitação para nova concessão de ônibus

Foto: Haroldo Ferreira / Ônibus Brasil

Linhas urbanas são operadas atualmente pela Benfica

ALEXANDRE PELEGI

A prefeitura de Itapevi, na Grande São Paulo, lançou aviso de concorrência pública para a concessão onerosa do lote único de serviço de transporte coletivo de passageiros.

O aviso está publicado na edição do Diário Oficial do Estado desta sexta-feira, 23 de julho de 2021.

A sessão pública de recebimento e abertura dos Envelopes será às 09h00 do dia 26 de agosto próximo.

O edital está disponível na página da Internet www.itapevi.sp.gov.br


PROJETO BÁSICO

Como mostrou o Diário do Transporte, em março passado foi lançada uma consulta pública para tomada de sugestões para o edital de licitação do transporte. No dia 15 de abril de 2021 foi promovida uma audiência pública para debater a nova concessão de serviços de ônibus na cidade.

Atualmente, as linhas de Itapevi são operadas pela Benfica.

A prefeitura apresentou na audiência pública em abril alguns itens básicos que deveriam constar do edital. O edital na íntegra ainda não estava disponível no site da prefeitura no início da manhã desta sexta-feira (23).

Na audiência foi feita uma projeção de frota de 85 ônibus, sendo 10 reservas. Serão 36 linhas.

Cada ônibus não pode ter mais de dez anos de fabricação e a idade média da frota será de 10 anos.

O projeto básico previa wi-fi em todos os ônibus, ar condicionado, acessibilidade para pessoas com deficiência, redução dos índices de poluição com sistema mecânico inteligente e integração com outros sistemas de transportes na cidade.

Pela lei municipal, a concessão pode durar 20 anos com renovação por igual período, como explicou a prefeitura.

Ainda em dezembro de 2020, a Administração Municipal atualizou a legislação que trata das políticas públicas municipais de mobilidade urbana, revogando a lei anterior e aprovando, na Câmara de Itapevi, no dia 18 de dezembro, a Lei Complementar nº 130, relativa aos transportes coletivos urbanos de Itapevi. A concessão autoriza a empresa vencedora a prestar os serviços durante 20 anos, com renovação do contrato por igual período.

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Vicente Alvim Maniero disse:

    Não entendo como vão colocar um ônibus com toda essa eletrônica embarcada de ar condicionado e sistema mecânico inteligente numa estrada acidentada como a estrada Lucinda de Jesus Silva.
    A estrada de terra recebeu muito cascalho ao longo dls últimos 15 anos e tem buracos que se o motorista não tomar cuidado acaba batendo o cárter.
    O pó quando não chove tem que fechar o vidro.
    Quem anda rápido ali rapidamente destrói o carro

  2. Márcia APARECIDA ALVES DA SILVA CAVELAGNA disse:

    Será que desta vez essa máfia da Benfica saí de Itapevi ???

  3. Paulo Antonio dos Santos Coelho disse:

    Sou morador da cidade desde que eu nasci tenho 43 anos me chamo Paulo sou motorista de ônibus, gostaria de falar a seguinte questão. Há necessidade de pavimentação em estradas onde essas linhas vam operar também se faz necessário demarcar os locais onde é ponto de ônibus e fazer podas em árvores remover postes que estão próximo ou até mesmo na via.Vejo ainda há necessidade do demutran fazer mais atuações e remoções de veículos que ficam estacionados nos pontos de ônibus tornando muito difícil o embarque e desembarque dos passageiros. Infelizmente a empresa que está na cidade há mais de duas décadas na investe na melhoria da frota e isso ao meu ver deixa claro que eles na tem interesse em Itapevi. Itapevi está se tornando uma cidade forte e respeitada em vários aspetos e o transporte público deve andar junto com o crescimento da cidade pois hoje não é o que vemos. Muito obrigado pela oportunidade de comentar a minha visão sobre o transporte público.

  4. Mirian Feliciano Ramos disse:

    Esse é meu prefeito 👏havia feito a promessa de mudar transporte público,afinal a Benfica deixa muitoóooo a desejar nos finas de semanas passamos hpras esperando um ônibus !as veses a gente vai no pronto socorro na volta pra casa temos que ficar lá esperando !acho uma tremenda falta de respeito com o .passageiro sou nascida aqui tbm e tenho 45 anos ,eu acho que nao prescisa ar condicionado mais sim um pouco mais de respeito com p passageiro sem contar que durante a semana a demora tbm… é cansativo a fslta de respeito com as pessoas.

Deixe uma resposta