Trabalhadores da Açaí Transportes, de Manaus, encontram garagem fechada na manhã desta quinta (08)

Foto: Dayson Albuquerque / Ônibus Brasil

Empresa deixou de operar sem aviso. Prefeitura deslocou carros reservas de outras empresas para suprir as linhas não atendidas

ALEXANDRE PELEGI

Os trabalhadores da Açaí Transportes, operadora do transporte público que atende a Zona Norte de Manaus, não puderam trabalhar nesta quinta-feira, 8 de julho de 2021.

Ao chegar por volta das 3h30 para começar a jornada, eles foram surpreendidos com os portões da garagem trancados.

A Açaí trabalha com 64 carros em 13 linhas, a maioria na Zona Norte, uma das mais importantes da capital.

A prefeitura de Manaus, com a preocupação de atendimento à população, providenciou a substituição desses ônibus, e vamos providenciar também a solução do problema da Açaí junto com seus trabalhadores”, declarou nesta manhã o diretor de transporte do Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU), Ednaldo Costa.

Uma reunião ficou marcada para hoje no fim da tarde pelo sindicato dos rodoviários, que trará mais informações sobre o destino da empresa.

Ainda não se sabe o que de fato aconteceu. Chegou-se a comentar que a Açaí teria fechado, decretado falência e outros afirmaram ainda que os ônibus teriam sido vendidos, mas nada até o momento foi confirmado.

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

Deixe uma resposta